Já ouviu falar de condo-hotel?

O futuro da hotelaria e as possibilidades do setor no Brasil, segundo o CEO da HotelInvest

Após 10 anos adquirindo experiência com o mercado de hotéis e empreendimentos turísticos, Canteras resolveu fundar, em 1999, sua própria empresa

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Na última segunda-feira (18), Ricardo Reis, professor do InfoMoney, conversou com Diogo Canteras, sócio-diretor e fundador da HotelInvest, empresa focada em investimentos hoteleiro, sobre o panorama da hotelaria brasileira. Assista à entrevista acima.

Canteras é formado em Engenharia pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli USP) e possui pós-graduação em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), com foco em gestão de projetos.

PUBLICIDADE

Mesmo pensando em trabalhar na gestão de grandes projetos estruturais, longe do mercado imobiliário, Canteras recebeu um convite para integrar a equipe da rede de hotéis Caesar Park. E se encantou com o ramo de hotelaria. Em 1999, fundou sua própria empresa no ramo, a HotelInvest.

“A HotelInvest é uma empresa focada em investimentos hoteleiro, com três grandes áreas de atuação. Consultoria, área responsável por estudos de viabilidade e ajudamos pessoas a estruturarem negócios hoteleiros. A área de Hotel Asset Management é responsável pela gestão de investimentos hoteleiros. E, por fim, temos um fundo imobiliário focado no setor hoteleiro, o Hotel Maxinvest (HTMX11)”, afirma o executivo.

Condo-hotel

Segundo Canteras, outro foco da HotelInvest é o investimento no segmento de condo-hotel, um edifício que é legalmente um condomínio, mas que é operado como um hotel, oferecendo aluguéis de curto prazo. Basicamente, o que caracteriza o condo-hotel é a estratégia de financiamiento o empreendimento.

“No Brasil, o imóvel sempre foi um investimento muito adequado para proteger o dinheiro da inflação gerar rendimentos com alugueis. O condo-hotel surge nos anos 80 e 90 como uma alternativa, pois é um apartamento que já vinha alugado”, explica Canteras.

O executivo defende que o investimento faz sentido pois realoca as preocupações com administração do imóvel, negociação com o inquilino e manutenção do empreendimento.

No condo-hotel, o dono do imóvel apenas aluga o apartamento para a rede hoteleira, que devolve um rendimento ao final de todo mês, assim como um aluguel.

PUBLICIDADE

Invista seu dinheiro com quem conhece do assunto. Abra sua conta na XP Investimentos – é grátis