Em negocios

Planejamento financeiro

Uma boa idéia, bons relacionamentos e capital não são suficientes para o sucesso de um negócio: gestão financeira é fundamental

Uma boa idéia, bons relacionamentos e capital não são suficientes para garantir o sucesso de um negócio, pois nada disto adianta se a empresa for mal administrada, especialmente na área financeira. Assim, para se tornar um empresário bem sucedido, não basta se esforçar e se dedicar integralmente ao negócio, é preciso saber administrar bem as finanças da sua empresa.

Manter as finanças em ordem não significa apenas contratar um bom contador, pois esses profissionais, em geral, se concentram na elaboração dos demonstrativos financeiros da empresa, como balanços patrimoniais, por exemplo, mas não se envolvem especificamente em seu planejamento financeiro.

De maneira simplificada, pode ser dito que cabe ao contador registrar o resultado alcançado pela empresa. Esse resultado, porém, é fruto do planejamento financeiro elaborado pelo empresário. Assim, o planejamento financeiro envolve, entre outras coisas, o estabelecimento de metas de venda, determinação de preço dos produtos ou serviços, análise e controle de custos da empresa etc.

Forçados a tomar todas estas decisões sozinhos, a maioria dos micro e pequenos empresários enfrenta sérias dificuldades e acaba cometendo o grave erro de misturar as finanças pessoais com as finanças da empresa. O grande problema é que muitas vezes esses mesmos empresários sequer investem o tempo necessário para organizar suas finanças pessoais, de forma que a situação torna-se ainda mais difícil quando estas se misturam com as da empresa.


  1. Por dentro dos demonstrativos financeiros

  2. Controles administrativos

  3. Análise financeira

  4. Projeção de resultados

 

Contato