Nova estratégia

McDonald’s testa aditivo para competir com sanduíche de frango

A rede de fast food introduziu um ingrediente na receita: o intensificador de sabor MSG, que tem tantos fãs quanto inimigos

arrow_forwardMais sobre

(Bloomberg) — Em sua ambição de produzir um sanduíche de frango frito que desafie a rede Chick-fil-A, o McDonald’s introduziu um ingrediente na receita: o intensificador de sabor MSG, que tem tantos fãs quanto inimigos.

A maior rede de restaurantes do mundo testa atualmente sanduíches de frango com glutamato monossódico, um ingrediente que agrega sabor, mas também causa preocupações de saúde entre consumidores. O aditivo está sendo usado no novo sanduíche em teste em Knoxville, Tennessee e Houston, além de testes com salsichas, sopas e diferentes filés de frango crocante realizados em outras localidades.

O frango é um produto fundamental no negócio de fast-food. Anualmente, os norte-americanos comem mais frango do que qualquer outro tipo de carne, e o consumo está crescendo. Durante anos, o McDonald’s também tentou fazer um sanduíche de frango frito para rivalizar com a Chick-fil-A, a cadeia de Atlanta com seguidores fanáticos. A Chick-fil-A também usa MSG em seu sanduíche clássico de frango, e em outros itens do cardápio, assim como a Popeyes Louisiana Kitchen, que no verão passado introduziu um sanduíche que se esgotou em meio a um frenesi nas redes sociais.

PUBLICIDADE

“Estamos sempre ouvindo nossos clientes sobre nossas ofertas do cardápio”, disse uma porta-voz do McDonald’s em resposta a perguntas sobre a adição de MSG. O feedback e as informações do teste serão levados em conta para decisões futuras, disse.

Um representante da Chick-fil-A não quis comentar. Uma porta-voz da Popeyes confirmou que seu novo sanduíche tem MSG e não quis fazer outros comentários sobre o ingrediente.

O MSG é um intensificador de sabor usado há décadas depois do início de sua produção comercial no início do século XX. Agora é comumente associado a comida para viagem, sopas e carnes processadas. Embora o ingrediente seja considerado em geral seguro, segundo a FDA, que regula fármacos e alimentos nos EUA, seu uso é polêmico e algumas pessoas se queixam de efeitos colaterais, como dor de cabeça, dormência e palpitações cardíacas.

Atualmente, o McDonald’s não usa MSG em produtos de seu cardápio nos EUA e lista ingredientes do cardápio nacional no site, de acordo com a empresa.

Os clientes do McDonald’s em Houston e Knoxville responderam positivamente aos testes do Crispy Chicken Sandwich e Deluxe Crispy Chicken, oferecidos em mais de 230 lojas, segundo a porta-voz. O teste continuará por mais algumas semanas. A empresa também testa uma linguiça portuguesa e uma base de sopa com adição de MSG em locais selecionados no Havaí, além de mais filés de frango crocantes em Augusta, Geórgia e Seattle.

Quer investir melhor o seu dinheiro? Clique aqui e abra a sua conta na XP Investimentos