IPO

IPO de seguradora do Banco do Brasil levantará R$ 5 bilhões, diz WSJ

O banco revelou suas intenções de abrir o capital da BB Seguridade em novembro, sem definição do que será feito com a arrecadação

SÃO PAULO – O Banco do Brasil (BBAS3) espera angariar R$ 5 bilhões com a cisão de sua unidade de seguros e pensões, a BB Seguridade, segundo reportagem do The Wall Street Journal desta quinta-feira (13).

Se a proposta vingar, o IPO (na sigla em inglês, oferta pública de ações) será o maior já realizada no Brasil desde outubro de 2009. O banco revelou suas intenções de abrir o capital da BB Seguridade em novembro, alegando que a abertura permitiria que a unidade expandisse mais rápido tirando-a da sombra das operações tradicionais do banco, sendo que a BB Seguridade responde por cerca de 15% a 20% dos lucros do banco.

Um bancário envolvido na transação disse que a IPO deve ocorrer em março ou abril de 2013, mas que a data pode mudar dependendo das condições do mercado. O banco não quis se pronunciar oficialmente sobre o assunto ao Wall Street Journal.

O BB ainda não definiu como usará a renda proveniente da oferta de ações nem qual banco negociará a oferta, o que pode atrasar o anúncio oficial, esperado para a próxima terça-feira (18), segundo a reportagem.