Em negocios / inovacao

Novo Tesla Roadster terá propulsores e será capaz de "flutuar", garante Elon Musk

Em seu perfil do Twitter, Musk comentou sobre uma das características do novo Tesla Roadster, previsto para 2020

Novo Tesla Roadster
(Divulgação)

SÃO PAULO – A nova versão do carro Tesla Roadster, o sedã da montadora de Elon Musk, terá propulsores em suas rodas para “flutuar” sobre as ruas, segundo publicação do executivo feita em seu perfil do Twitter nesta quarta-feira (9).

Questionado por seus seguidores sobre estar ou não falando a verdade sobre o plano, Musk explicou como isso será possível: “Ele usará um sistema de gás a frio com ar de alta pressão em um recipiente de pressão revestido no lugar dos dois assentos traseiros”, escreveu.

Musk ainda acrescentou que o carro será capaz de acelerar até “o limite da resistência humana”, ao percorrer 400 metros em apenas oito segundos.

Essa não é a primeira vez que Musk comenta sobre essa característica do carro. Em junho de 2018, ele publicou também em seu Twitter que o novo Roadster incluiria 10 pequenos propulsores de foguetes adaptados para o carro. “Esses motores melhoram drasticamente a aceleração, velocidade máxima, frenagem e curvas. Talvez até façam o Tesla voar”, terminou.

Os planos da Tesla são de lançar um novo Roadster no mercado em 2020 como o carro de produção mais eficiente do mercado e também o mais rápido. A promessa é de que o carro irá dos 0 aos 60 km/h em apenas seis segundos. A versão de entrada do carro já pode ser reservada por US$ 200 mil.  

Também na quarta-feira, Musk anunciou que as versões mais baratas dos modelos X e S da Tesla deixarão de ser vendidos em breve.

 

Contato