Em negocios / inovacao

Do tradicional para o digital: por que as empresas precisam se transformar para sobreviver

F5 desta quarta-feira convida o CFO da Ingresso Rápido, Diego Barreto, para contar a transformação da empresa. 

SÃO PAULO – Hoje a empresa líder na venda de ingressos para eventos e diferentes espetáculos do Brasil, a Ingresso Rápido é também um bom exemplo de como empresas de todos os setores devem se transformar para se adaptar às necessidades de consumidores da era digital.

Esse processo, ainda mais no setor em que atua, não é nada simples: é preciso ter um site estruturado para permitir que a compra seja realizada de qualquer dispositivos, “exterminar” os ingressos físicos e mostrar eficiência na finalização da compra – todos desafios que a Ingresso Rápido enfrentou e vem enfrentando com sucesso.

O CFO da companhia, Diego Barreto, foi o convidado do programa F5 desta quarta-feira (11) e comentou que no mundo do entretenimento a digitalização chega também para levar informações ao consumidor.

"Algumas pessoas não vão em shows, peças de teatro e outros eventos por falta de informação. Quando você cria um aplicativo, começa a entender os hábitos de consumo do seu cliente e consegue direcionar melhor as informações de eventos que serão do seu interesse", disse. "Isso muda a relação com o cliente".

Segundo Diego, se trata de mudar também toda a experiência de compra desse cliente. "Nós desenvolvemos um aplicativo onde ele pode cancelar uma compra que fez com um clique. Recebe notificações, pode acompanhar toda a sua compra por lá e nem precisa de um ingresso físico", disse. Para as casas de shows e teatro também existem vantagens, entre elas a eficiência. 

Ainda que a empresa já tenha, no geral, se digitalizado, ainda evolução não para por aí. Borges comenta que a Ingresso Rápido lançou recentemente uma parceria com a Smiles para disponibilizar todos os seus ingressos nesta plataforma, de forma a atingir também turistas e possibilitar uma nova maneira de comprar.

Para os próximos meses, outro projeto: a empresa quer integrar a compra de bebidas e alimentos em eventos com a compra de ingresso, evitando a formação de filas, otimizando o tempo e, novamente, melhorando a experiência do cliente

Além desses tópicos, Diego comentou sobre outros aspectos da digitalização da Ingresso Rápido. Assista à entrevista completa no player acima.

O F5 é apresentado pelo professor do InfoMoney Educação Arthur Vieira de Moraes e pelo especialista em blockchain, fundador do finlabs e professor de finanças Gustavo Cunha. Ele é transmitido semanalmente às quartas-feiras, às 15h.

 

Contato