Em negocios / inovacao

Exposição do Steve Jobs em SP tem relíquias, realidade virtual e app próprio; confira destaques

O Museu da Imagem e do Som (MIS) abre a programação para o público nesta quinta-feira

iMac
(Paula Zogbi)

SÃO PAULO – Nesta quinta-feira, 15 de junho, o Museu da Imagem e do Som (MIS) abre ao público as portas para a exposição Steve Jobs, o Visionário, que ficará em cartaz até 20 de agosto.

Como de costume em exposições do MIS, a programação mistura relíquias, fotografias e objetos icônicos a experiências interativas: visitantes podem acompanhar toda a exposição através de um app gratuito para smartphone disponível nas lojas Google Play e App Store. Embora não seja muito grande em tamanho, a exposição traz boa variedade.

Dessa vez, há até mesmo uma experiência em realidade virtual onde o visitante consegue “ser” Steve Jobs e “montar” um computador em ambiente que simula a garagem de sua casa. Patrocinada pelo banco digital Next, essa ala da exposição está disponível também ao lado de fora do museu, para quem não quiser visitar toda a exposição.

Além de computadores dos primeiros anos da Apple, os ambientes fazem referência à vida pessoal de Jobs. Uma das primeiras salas é baseada em psicodelia, parte, segundo a curadoria, importante para a criação do empreendedor. Nela, há inclusive menções sobre o uso de drogas.

Também ficam expostos os itens mais icônicos criados por jobs, passando, entre outras peças, pelo icônico iMac e pelo primeiro iPhone, cujo lançamento completa 10 anos em 2017. 

Na parte de inovação, visitantes podem comparar criações classificadas como fracassos e sucessos lado a lado, com o intuito de demonstrar que lançamentos malsucedidos muitas vezes foram ponto de partida para grandes lançamentos da Apple e de Jobs.

Também há uma área específica para as “batalhas” travadas entre Steve Jobs e seus concorrentes e partes voltadas totalmente à aposta legendária de Jobs na Pixar, dentro da qual entrou quando as produções ainda eram precárias.

Frases nas paredes e em pequenos cards pendurados nos corredores também fazem parte do ambiente.

Ingressos antecipados podem ser adquiridos pela internet, no ingressorapido.com, por R$ 18 (inteira) ou R$ 9 (meia); ou na porta, por R$ 10 (inteira) ou R$ 5 (meia). A exposição tem apoio do Bradesco.

 

Contato