Em negocios / grandes-empresas

H&M suspende compra de couro do Brasil, diz site

Gigante do varejo se une à dona de marcas como Timberland e Vans no boicote aos produtos brasileiros por situação ambiental

H&M - Loja
(Reuters)

SÃO PAULO - A gigante varejista de fast-fashion H&M suspendeu a compra de couro brasileiro, de acordo com o Dow Jones, que citou um porta-voz da empresa. O motivo seria a preocupação com incêndios na Amazônia. 

"A criação de gado na Amazônia brasileira é o maior fator causador de desmatamento do mundo, e essa é a razão pela qual precisamos ter requisitos mais duros para pele e couro originados do Brasil", disse a H&M ao site. 

Não é a primeira empresa a divulgar retaliação às importações do Brasil pela mesma razão. Na semana passada, a VF Corporation, dona de marcas como Vans e Timberland, disse que suspendeu a compra de couro brasileiro até que seja confirmado que a produção é segura para o meio ambiente. 

Em 29 de agosto, a maior produtora de salmão do mundo, a norueguesa Mowi, disse que deixaria de comprar soja brasileira para sua criação. A Finlândia chegou a sugerir que a União Europeia como um todo deixe de importar carne do país. 

Proteja seu patrimônio: invista. Abra uma conta gratuita na XP. 

 

Contato