Em negocios / grandes-empresas

Marca Walmart deixa Brasil e muda para Grupo BIG com investimento de R$ 1,2 bilhão

A mudança ocorre um ano após o Fundo de Investimento Advent adquirir 80% do Walmart Brasil. Investimento visa modernização e ampliação de lojas

Walmart
(Shutterstock)

SÃO PAULO - A marca americana de hipermercados Walmart desaparecerá do Brasil até o próximo semestre. Nesta segunda-feira (12), Luiz Fazzio, presidente da companhia no país, anuncia aos funcionários e colaboradores a decisão.

A partir de agora, a companhia se chama Grupo Big e, nos próximos 18 meses, investirá mais de R$ 1,2 bilhão na modernização e ampliação de suas lojas. A mudança ocorre um ano após o Fundo de Investimento Advent adquirir 80% do Walmart Brasil. 

A mudança de nome ocorre, principalmente, por razões econômicas. A empresa precisa pagar royalties mensais aos americanos, donos da marca Walmart, 0,7% das vendas, pelo uso do nome.

Ainda assim, a marca Sam's Club, também pertencente ao grupo Walmart, continuará com o mesmo nome e abrirá dez novas lojas. A primeira será inaugurada no início deste semestre e, até o final do ano, mais três unidades serão abertas, afirmou a empresa. 

"O foco é na operação. Com esse movimento, a companhia visa se aproximar ainda mais de seus clientes em todas as regiões e formatos em que atua, com o objetivo de ser reconhecida como a melhor opção de compras para o consumidor, com amplo sortimento e excelência no atendimento", diz a nota do grupo Big sobre a mudança.

As lojas de hipermercado Walmart do Nordeste passarão a se chamar Big Bompreço, enquanto as do Sul e Sudeste se chamarão apenas Big. O Grupo mostra, em números, que as mudanças vão muito alem de adquirir novas bandeiras e mudar nomes.

A empresa planeja realizar mudanças efetivas na operação em todo o País, com a renovação das lojas e uma nova estratégia comercial e de preços. Até junho de 2020, a expectativa é concluir a reforma de 100 hipermercados.

Em 2018, a receita bruta do grupo atingiu R$ 24,5 bilhões, queda de 13% em relação a 2017. Para 2019, a empresa não projeta crescimento na receita, por conta da fase de transição.

O Grupo BIG opera no Brasil desde 1995 e possui mais de 500 unidades em 18 estados brasileiros. O grupo possui 8 bandeiras entre hipermercados (Big e Big Bompreço), supermercados (Super Bom Preço e Nacional), atacado (Maxxi Atacado), clube de compras (Sam's Clube) e lojas de vizinhança (TodoDia). O grupo é o terceiro maior conglomerado de varejo alimentar do Brasil.

Garanta a independência financeira. Invista. Abra sua conta na XP Investimentos - é grátis

 

Contato