Gerdau Day

Gerdau vê “queda grande” de demanda e diz que preços atuais de minério são inviáveis

Para ele, os preços da commodity precisam ir para faixa entre US$ 85 e US$ 90 a tonelada para viabilizar as exportações; o CEO falou à Bloomberg antes do Gerdau Day

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – As exportações do minério de ferro não são viáveis a preços atuais, disse André Gerdau Johannpeter, CEO (Chief Executive Officer) da Gerdau (GGBR4), em entrevista em à Bloomberg antes do Gerdau Day, que ocorre nesta sexta-feira (12) em Nova York e reunirá investidores da empresa. 

Para ele, os preços do minério de ferro precisam ir para faixa entre US$ 85 e US$ 90 a tonelada para viabilizar as exportações. 

Gerdau vê “quedas grandes” no consumo na maioria dos segmentos, reforçando que o Brasil passa por ambiente desafiador. “As medidas de austeridade são necessárias”, comentou. 

Aprenda a investir na bolsa

A exemplo do que ocorreu com a Usiminas (USIM5), Gerdau disse que não planeja fechamento de altos fornos e que tem compensado parte de queda de demanda no País com exportações.