Novidade

Estreia do site marca nova fase do InfoMoney

Mais ambicioso projeto de mudança de estrutura técnica do InfoMoney, o novo site está mais rápido, limpo e moderno. A navegação, simples e intuitiva

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O novo site do InfoMoney, que entrou no ar nesta quarta-feira, é o mais ambicioso e importante projeto de mudança de estrutura técnica que já fizemos. A migração para uma plataforma mais moderna traz uma série de benefícios para quem acessa o amplo conteúdo de finanças e negócios que produzimos – de reportagens e artigos a vídeos e podcasts, além das páginas de ferramentas financeiras e cotações.

“Privilegiamos a experiência do usuário acima de tudo para que seja prazerosa e, principalmente, eficiente”, diz Sergio Gwercman, CEO do InfoMoney. “Sabemos que trabalhamos com temas complexos. O design e a navegação devem ser o oposto disso.”

O novo site está mais rápido, limpo e moderno e a navegação, simples e intuitiva, tanto no desktop, quanto no mobile. As editorias foram reorganizadas para que a variedade de conteúdo que produzimos seja acessada de forma mais fácil.

PUBLICIDADE

A homepage é dinâmica, o que permite dar destaque às editorias com as notícias mais importantes a cada momento. “Não temos uma lista de notícias, mas uma página que é feita com base na curadoria dos nossos jornalistas”, diz Leandro Castro, design sênior de produtos do InfoMoney.

As páginas de cotações de ações estão mais completas, com informações sobre o perfil das empresas de capital aberto, gráficos com o histórico e a variação de preços dos papéis e dados sobre dividendos. Também modernizamos as páginas de índices e criptomoedas, além da carteira de acompanhamento, que permite monitorar a evolução de investimentos.

“Existem sites focados na produção de notícias e análises sobre o mercado, e sites dedicados às cotações e ferramentas. Mas só o InfoMoney consegue integrar as duas coisas, e o mais importante: sem cobrar nada por isso”, diz Leo Nishihata, gerente de produto.

Assista ao vídeo e veja como aproveitar melhor o que o novo site oferece:

 

PUBLICIDADE

Iniciado em janeiro de 2019, o projeto de mudança do site envolveu a migração de mais de 600 mil conteúdos e tomou como base as melhores práticas dos sites de finanças e negócios mais relevantes do mundo. A plataforma utilizada é o WordPress hospedado pela Automattic, multinacional por trás do sucesso do WordPress, que, por sua vez, é a plataforma responsável por um terço dos maiores sites do mundo.

“Concluímos a primeira etapa do projeto. A nova plataforma permite que o site evolua com mais rapidez e assertividade para atender às necessidades dos usuários. Vamos expandir cada vez mais a oferta”, diz Luiz Cruz, CTO do InfoMoney.

Mais receita, mais investimento

O investimento no novo site faz parte do compromisso do InfoMoney com o jornalismo de qualidade. Estamos no mercado há quase 20 anos e nos tornamos o principal site especializado em investimentos do país, com cerca de 10 milhões de leitores únicos e 100 milhões de pageviews por mês. “É muito, mas o espaço para crescer é enorme”, diz Giuliana Napolitano, editora-chefe do InfoMoney.

Crescemos num momento em que os brasileiros delegavam aos bancos a tarefa de cuidar do seu patrimônio – e muitas vezes acabavam empurrados para produtos e serviços ruins. À medida que mais pessoas se dão conta de que precisam tomar as rédeas de seu futuro financeiro, a necessidade por informações sobre finanças e investimentos aumenta.

“Estamos numa posição privilegiada para aproveitar esse novo momento”, diz Gwercman. “Nossos resultados vêm melhorando de forma constante e, com isso, podemos investir em equipe, produtos e infraestrutura.”

Nos próximos meses, vamos lançar novas páginas com ferramentas, guias sobre diferentes segmentos do mercado financeiro, informações sobre empresas e outros tipos de conteúdo que consolidarão o InfoMoney como o site de finanças e negócios mais completo do país.