Varejo

Carrefour Brasil (CRFB3) tem alta de 7,7% das vendas no 3º trimestre

Considerando apenas o faturamento do Atacadão, as vendas brutas somam R$ 15,5 bilhões, uma expansão de 14,3%, com vendas mesmas lojas subindo 2,7%

Por  Equipe InfoMoney -

SÃO PAULO – O Grupo Carrefour Brasil (CRFB3) registrou vendas brutas de R$ 20,8 bilhões no período do terceiro trimestre deste ano, representando uma expansão de 7,7% na comparação com o mesmo intervalo de 2020.

Segundo comunicado da empresa divulgado nesta terça-feira (19), descontadas as vendas de gasolina, o desempenho seria de uma expansão de 6,6%.

Ainda de forma consolidada, as vendas no conceito mesmas lojas recuaram 0,5%. A empresa destacou, porém, que houve impacto negativo concentrado no varejo não alimentar, por conta da forte base de comparação.

Considerando apenas o faturamento do Atacadão, as vendas brutas somam R$ 15,5 bilhões, uma expansão de 14,3%, com vendas mesmas lojas subindo 2,7%.

Vendas pré-pandemia

Para fins de comparação, o Carrefour Brasil informou as comparação para o período de dois anos.

Dessa forma, em resultados consolidados, a empresa informou que as vendas brutas avançaram 37%, entre o terceiro trimestre de 2019, quando foram de R$ 15,1 bilhões, e o terceiro trimestre de 2021.

Em termos de vendas mesmas lojas, o avanço das vendas, de forma consolidada, foi de 23% em dois anos.

Considerando apenas o Atacadão, houve um aumento de 50% das vendas nos últimos dois anos.

Alimentos online

Já o volume bruto de mercadoria (GMV, na sigla em inglês) atingiu R$ 733 milhões no terceiro trimestre, incluindo o serviço de entrega rápida, “com desempenho muito forte do segmento alimentar”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Esse desempenho, diz a empresa, foi impulsionado, principalmente, pela escalabilidade do modelo recém implementado no Atacadão, com crescimento de 113% em base sequencial.

Dessa forma, no terceiro trimestre de 2021, as vendas online de produtos alimentares do Atacadão representaram 56% do total de vendas de produtos alimentares do Grupo via canais digitais.

“A parceria com operadores do serviço de entrega rápida está agora disponível em 119 lojas de 20 Estados, ilustrando a nossa presença nacional e oferta de conveniência ao melhor preço para nossos consumidores”, acrescentou.

Fatia de mercado

Segundo a empresa, citando dados da Nielsen, a empresa obteve ganhos de fatia mercado, frente à concorrência, de 0,5 ponto porcentual ao ano, até setembro de 2021.

A empresa acrescentou que, em dois anos, foram abertas 77 novas lojas.

Análise

O Itaú BBA comentou que os dados ficaram em linha com estimativas. Segundo o banco, os números foram afetados por um cenário de comparação difícil (principalmente na divisão varejo), conforme o esperado.

O BBA ressaltou a resiliência da divisão de atacarejo e o banco dando o tom para uma tendência de recuperação.

Para o Bradesco BBI, a principal conclusão do relatório de vendas deve ser que o Atacadão (75% das vendas) continua tendo um bom desempenho, apesar da base de comparação difícil. Como tal, o Cash & Carry permanecerá resiliente e o banco espera que o negócio continue a conquistar market share.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Itaú BBA mantém avaliação outperform para as ações do Carrefour e preço-alvo de R$ 30,00, frente à cotação de terça de R$ 18,07. O Bradesco BBI também recomenda compra de CRFB3, mas com preço-alvo de R$ 28,00.

Curso inédito “Os 7 Segredos da Prosperidade” reúne ensinamentos de qualidade de vida e saúde financeira. Faça sua pré-inscrição gratuita.

Compartilhe