Sem compra

Cade bloqueia compra de ativos da Doux Frangosul pela BRFoods

Instituição ainda fixou prazo para a venda de todos os ativos para terceiros e aplicou uma multa à Brasil Foods

SÃO PAULO – O Cade (Consolho Administrativo de Defesa Econômica) reprovou a aquisição de ativos de produção e abate de súinos da Doux Frangosul pela Brasil Foods (BRFS3), comunicou a instuição nesta quarta-feira (30).

Os ativos se situavam em Ana Rech, no Rio Grande do Sul, e haviam sido oferecidos como garantia de um empréstimo concedido pela Brasil Foods à Doux. Elvino de Carvalho Mendonça, conselheiro relator do caso, fixou prazo para vender todos os ativos a terceiros e aplicou uma multa por intempestividade à Brasil Foods.