Contramão do setor

Cabify anuncia operação lucrativa pela primeira vez

Empresa apresentou Ebitda consolidado positivo de US$ 3 milhões; Uber é arrastada para baixo por delivery

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – A espanhola Cabify anunciou nesta quarta-feira (5) que é a primeira empresa de mobilidade urbana como serviço a reverter o prejuízo e fechar um trimestre no azul. Segundo comunicado à imprensa, foi a primeira vez que a companhia apresentou Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) trimestral consolidado positivo, em US$ 3 milhões.

A Receita líquida em 2019, após despesas com fornecedores de frotas de veículos e outros operadores como taxistas, ficou em US$ 104 milhões, 11% acima de 2018.

“A Cabify se torna a primeira empresa de mobilidade do setor financeiramente sustentável”, disse a empresa em nota.

PUBLICIDADE

Juan de Antonio, fundador e CEO da companhia, afirmou que o resultado confirma a sustentabilidade do modelo de negócio. “Entendemos que a única maneira de manter o impacto positivo gerado por nossas operações nas cidades e no resto do planeta é garantir sua continuidade ao longo do tempo”.

“Na contramão do setor, estamos focando nos segmentos de negócio e de mercado com mais valor de margem. Nosso desafio em 2020 é reforçar essa estratégia de sustentabilidade financeira”, complementa Juan Ignacio García, CFO.

Uber diz que já ganha com corridas

No último resultado divulgado, referente ao terceiro trimestre de 2019, a Uber, maior nome do setor, reportou US$ 5,2 bilhões em prejuízo, mas o resultado foi puxado para baixo principalmente pela operação de delivery Uber Eats e por custos internos.

O Ebitda ajustado para o segmento de corridas ficou positivo em US$ 631 milhões nos três meses terminados em setembro. Já o Eats ficou com prejuízo de US$ 316 milhões e o segmento que a Uber chama de “despesas gerais e administrativas corporativas e pesquisa e desenvolvimento de plataforma” queimou US$ 623 milhões, por exemplo.

Seja sócio das maiores empresas da Bolsa sem pagar corretagem. Abra uma conta na Clear.