Recomendação

Bradesco corta preço-alvo da Vale para R$ 24,00, mas segue com “outperform”

A revisão veio apoiada em expectativa menor para produção e capex da mineradora, além de projeção mais baixa para o preço do minério de ferro

Mineração da Vale
Mineração da Vale
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O Bradesco BBI cortou o preço-alvo das ações da Vale (VALE3; VALE5) de R$ 31,00 para R$ 24,00, mas segue com recomendação “outperform” (desempenho acima da média).

A revisão veio apoiada em expectativa menor para produção e capex da mineradora, além de projeção mais baixa para o preço do minério de ferro, que caiu de US$ 75 a tonelada para US$ 60 a tonelada. 

A equipe de análise do Bradesco BBI, chefiada pelo analista Alan Glezer, comentou que a ação da companhia é negociada a 8,1 vezes o EV/Ebitda (valor da empresa sobre a geração de caixa), o que não é barato em relação ao seu histórico, de 6 vezes, assim como não é atrativa em relação aos seus pares (BHP Billiton negociando a 7 vezes e Rio Tinto, a 7,6 vezes). 

Aprenda a investir na bolsa

O banco revisou ainda o Ebitda (Lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) da mineradora para US$ 7,2 bilhões em 2015, contra projeção anterior de US$ 10 bilhões.