Combate à pandemia

Anvisa autoriza ampliação dos estudos da vacina da Pfizer no Brasil

Segundo o órgão, a ampliação dos testes irá dobrar o número de voluntários, passando de 1 mil para 2 mil

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Nesta sexta-feira (18), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) anunciou que irá ampliar os estudos de teste clínico da vacina experimental da farmacêutica americana Pfizer e da alemã BioNTech no Brasil.

Segundo o órgão, a ampliação dos testes irá dobrar o número de voluntários, passando de 1 mil para 2 mil.

Além da ampliação do número de voluntários, a Anvisa também mudou o corte da faixa etária para os testes, anteriormente fixado nos 18 anos. Ainda de acordo com a agência reguladora, “solicitações para a ampliação do número de voluntários, entre outras alterações, são comuns em testes clínicos”.

Aprenda a investir na bolsa

A partir de agora, pessoas a partir de 16 anos podem se voluntariar para participar dos testes da vacina. Os testes estão ocorrendo em duas capitais brasileiras: São Paulo e Salvador.

Segundo a Anvisa, as solicitações para aumentar o número de testados e abaixar a faixa etária mínima foram feitas pelo laboratório americano. A Pfizer fez a mesma solicitação à Food and Drug Administration (FDA), agência reguladora de fármacos nos EUA, aumentando o número de participantes de 30 mil para 44 mil.

Newsletter InfoMoney
Informações, análises e recomendações que valem dinheiro, todos os dias no seu email:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.