Conteúdo Patrocinado
Oferecido por

A nova Embraer: moderna e brasileira

A Embraer se mantém de forma inovadora nos segmentos de defesa e segurança, em aviação executiva e até mesmo desenvolvendo um carro voador

Algumas empresas representam quase que sozinhas o sucesso internacional de um país num setor. Para ter um exemplo disso não é preciso pensar além de como a boa reputação do Brasil na produção de tecnologia de aviação se confunde com a história da Embraer, que comemorou 50 anos de existência no último dia 19 de agosto. Assim como o país é lembrado internacionalmente por sua agricultura de alta tecnologia e pelo sistema financeiro sofisticado tecnologicamente, também ganhamos a reputação de estarmos entre os melhores desenvolvedores de aviões e de tecnologias aéreas do mundo. E isso só foi possível com a existência da Embraer.

Todo um ecossistema de negócios e inovação se desenvolveu ao redor da empresa, em São José dos Campos, no interior de São Paulo, na região do Vale do Paraíba. Apenas em empregos diretos, a Embraer conta com 18 mil pessoas em todo o mundo, incluindo 6 mil engenheiros. Também é responsável por estimular a geração de empregos qualificados dos fornecedores de sua cadeia de suprimentos. Ainda conta com a proximidade do Instituto tecnológico de Aeronáutica (ITA), com quem possui parceria para a capacitação de engenheiros.

A Embraer também é uma joia do mundo corporativo nacional, com seu alcance global. Ela é a maior exportadora de bens de valor agregado do Brasil. É a terceira maior fabricante de jatos comerciais do mundo, atrás da americana Boeing e da europeia Airbus. E, em jatos para até 150 passageiros, a empresa brasileira possui quase 30% de participação do mercado global. Também tem fatia semelhante do mercado de jatos privados entregues no Brasil.

PUBLICIDADE

Mas, se o sucesso do passado da Embraer é inquestionável, é o que a empresa apresenta para o futuro que mostra que ele pode ser ainda mais promissor. A Embraer se mantém atuando de forma inovadora nos segmentos de defesa e segurança (que inclui além dos aviões Super Tucano, sistemas de radares, informação e comunicação), em aviação executiva (Praetor 500 e Praetor 600) e na área de serviços e suporte.

Aviação Executiva – Praetor

Cabine do Praetor 600, jato com capacidade de até 12 passageiros. Foto: Embraer

A mais nova linha de jatos executivos da empresa, a linha é formada por dois modelos: o Praetor 500 e o Praetor 600. Ambos são os produtos mais tecnológicos e disruptivos da categoria.

O Praetor 500 é um jato médio com alcance de 3.250 milhas náuticas (6.019 km) e capacidade de até nove passageiros. Ele é capaz de partir de São Paulo para qualquer cidade na América do Sul, Europa ou Estados Unidos com uma única parada.

Já o Praetor 600 é um jato supermédio, com capacidade de até 12 passageiros, com alcance de 4.018 milhas náuticas (7.441 km). É simplesmente o maior alcance da categoria. Com ele, é possível realizar voos sem escalas entre São Paulo e Miami (EUA), entre Rio de Janeiro e Fort Lauderdale (EUA), ou entre Madri (Espanha) e Recife.

Além disso, o Praetor 600 decola curto e sobe rápido, características que permitem ele operar em pistas curtas como em Angra dos Reis e Jacarepaguá.

Os dois contam com tecnologia Full-Fly-By-Wire, conectividade de alta velocidade e conforto excepcional com assentos mais espaçosos, mais altos e as maiores janelas do segmento.

PUBLICIDADE

O Praetor 500 é considerado a aeronave mais rápida no segmento de aeronaves de médio porte. Já o Praetor 600, coloca a Embraer na disputa pelo concorrido segmento ‘super midsize’ – mercado que deve movimentar US$ 30 bilhões na próxima década.

Unidade de Negócios de Defesa & Segurança

Embraer KC390
O KC-390 é a maior aeronave já construída pela indústria aeronáutica brasileira. Foto: Claudio Capucho/Embraer

A Embraer é líder na indústria aeroespacial e de defesa na América Latina. Entre os principais produtos estão o A-29 Super Tucano, aeronave de ataque leve e treinamento avançado já selecionado por 15 Forças Aéreas do mundo, e o KC-390, aeronave de transporte militar multimissão que entrou em operação neste ano com a Força Aérea Brasileira (FAB).

A Unidade de Defesa & Segurança também oferece uma linha completa de soluções integradas como C4I (Centro de Comando, Controle, Comunicação, Computação e Inteligência), tecnologias de ponta na produção de radares, sistemas avançados de informação e comunicação, sistemas integrados de monitoramento e vigilância de fronteiras, assim como aeronaves militares e de transporte de autoridades.

Ainda em parceria com a israelense Elta Systems, a Embraer Defesa & Segurança começa a desenvolver uma aeronave para um novo mercado, de alerta aéreo antecipado. A P600 AEW será baseada no jato executivo Embraer Praetor 600 e contará com radar AESA, fornecido pela Elta.

Os produtos da Embraer Defesa & Segurança estão presentes em mais de 60 países. 

Embraer X – O “carro voador”

Embraer X desenvolve um “carro voador” em parceria com a Uber.

 A Embraer X é o braço da inovação disruptiva da Embraer, voltada para o futuro da mobilidade aérea, com pesquisas com aviões não tripulados e gestão de tráfego aéreo urbano.

Um dos projetos da subsidiária, em conjunto com o Uber, visa a criação de uma espécie de “carro voador”. O projeto é batizado de Evtol, sigla em inglês para veículo elétrico para pouso e decolagem verticais.

A Embraer X também desenvolveu o aplicativo Beacon Works, para aprimorar os serviços de manutenção não programada em aeronaves.

Embraer Serviços e Suporte

A Embraer Serviços & Suporte foi criada para alavancar os negócios pós-venda. Foto: Divulgação

Essa unidade de negócio da Embraer foi criada para alavancar os negócios de pós-venda. Com uma rede global de mais de 80 centros de serviços próprios e autorizados e mais de 2.300 pessoas, a empresa está preparada para atender mais de 1.700 clientes.

O portfólio de produtos, serviços e soluções abrange os seguintes segmentos: Treinamento, Manutenção, Materiais, Modificações de Aeronaves, Operações de Voo, Suporte de campo, suporte técnico e Soluções Inovadoras.

Em Sorocaba, o Centro de Serviços da Embraer possui uma moderna infraestrutura de hangares, oficinas e salas VIP, que oferecem uma ampla quantidade de serviços, como manutenção de aeronaves, reparo de componentes e interiores, atendimento aeroportuário e gerenciamento técnico de manutenção. Em mais de 90% das vezes, os aviões retornando à operação em menos de 24 horas.

Tudo isso mostra que o passado inovador e repleto de rupturas tecnológicas da Embraer em seus 50 anos de história pode se refletir num futuro igualmente cheio de invenções, exportações e de criação de negócios e de empregos qualificados para o Brasil. Uma empresa sólida e com credibilidade.