MERCADOS AO VIVO IPO: ações da Allied estreiam na B3 próximas à estabilidade

IPO: ações da Allied estreiam na B3 próximas à estabilidade

[VISA] Portabilidade deve se estender aos planos de saúde empresariais, diz Pro Teste

.

A Pro Teste – Associação de Consumidores -, cobrou da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) que a troca de plano de saúde sem necessidade de cumprir nova carência seja estendida para os planos coletivos, principalmente, em pequenas e médias empresas. A discussão sobre a carência nos planos coletivos é importante, segundo a associação, pois a lei permite diferentes interpretações e algumas delas prejudicam o usuário. O texto gera confusão no tocante aos casos de demissão ou de aposentadoria do funcionário, sobretudo nas pequenas empresas. Além dessa contribuição, a Pro Teste também cobrou a alteração e outras limitações impostas ao usuário, como a de poder ser atendido em um novo plano, sem carências, só se tiver permanecido dois anos no plano anterior. (Fonte: InfoMoney – 24.10.08)