Aproveite

Última chance para tirar todas as suas dúvidas sobre imposto de renda

InfoMoney recebe especialista Andréa Nicolini para responder as dúvidas de leitores sobre a declaração  

SÃO PAULO – Faltam 5 dias para o término do período da declaração do Imposto de Renda 2019, em 30 de abril. Até agora, a Receita Federal contabilizou o recebimento de 19 milhões de declarações, o que significa que ainda faltam declarar cerca de 11,5 milhões de contribuintes nesta reta final.

Para ajudar os que ainda possuem dúvidas, o InfoMoney realiza nesta quinta-feira (25), às 15h30, uma transmissão ao vivo no YouTube com a especialista Andréa Nicolini, coordenadora de tributos IOB da Sage Brasil. É a última chance para sanar todos os problemas dos contribuintes com suas declarações antes do término do prazo.

Acompanhar a transmissão é simples. Basta acessar o YouTube do InfoMoney neste link ou clicar no player no início deste texto a partir das 15h30.

PUBLICIDADE

Quem é obrigado a declarar

De acordo com a Receita Federal, deve fazer a declaração de Imposto de Renda em 2019 o contribuinte que: 

1 – recebeu rendimentos tributáveis, sujeitos ao ajuste na declaração, cuja soma foi superior a R$ 28.559,70; 

2 – recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a R$ 40 mil;

3 – obteve, em qualquer mês, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;

4 – na atividade rural: 

PUBLICIDADE

a) obteve receita bruta em valor superior a R$ 142.798,50;

b) pretenda compensar, em 2018 ou anos posteriores, prejuízos de anos anteriores
ou de 2018;

5 – teve, em 31 de dezembro, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil; 

6 – se mudou para o Brasil em qualquer mês de 2018; 

7 – optou pela isenção do imposto sobre o valor da venda de imóveis, desde que esse seja usado para a compra de outro imóvel em território nacional no prazo de 180 dias. 

Lembrando que neste ano serão sete lotes da restituição que começa em 16 de junho e vai até 15 de dezembro.  

Não se esqueça também dos documentos necessários para fazer a declaração. O CPF do contribuinte e de todos os dependentes é obrigatório, por exemplo. Para ver a lista completa, clique aqui.