Saque extraordinário

Site e aplicativo do FGTS apresentam falhas, e trabalhadores têm dificuldade em consultar valores

Caixa confirma instabilidades; site e app do FGTS terão operação normalizada até o final do dia

Por  Giovanna Sutto -

Muita gente enfrenta problemas no primeiro dia de consulta ao FGTS (Fundado de Garantia do Tempo de Serviço). Relatos apontam que os transtornos começaram desde as primeiras horas desta sexta-feira (8).

O site e o aplicativo do fundo, geridos pela Caixa Econômica Federal, apresentam instabilidades e falta de funcionalidades que estão prejudicando o acesso a quem busca sacar valores do fundo.

O governo Bolsonaro (PL) liberou saques extraordinários de até R$ 1.000 aos trabalhadores, como uma forma de aliviar os impactos da pandemia de Covid-19 que ainda pesam sobre a renda das famílias.

O Twitter vem concentrando as queixas. “O app e o site do FGTS servem apenas para humilhar o assalariado. Nada funciona”, disse uma usuária. “Péssimo esse aplicativo do FGTS”, comentou outro internauta.

“Eu estou o dia inteiro tentando olhar o saldo do FGTS para saber se eu vou receber R$ 1.000 ou menos e simplesmente não entra o app”, afirmou outro usuário na rede social.

O site DownDetector, que monitora instabilidades online, mostrou um pico de reclamações entre 10h e 11h desta sexta nas plataformas da Caixa, sendo que 55% das reclamações eram sobre o login no app e 42% sobre o login no site.

A Caixa, por meio de nota encaminhada ao InfoMoney, confirmou os transtornos em seus sistemas.

“Alguns serviços pontuais de aplicativos apresentaram intermitência momentânea na manhã desta sexta-feira”. Por telefone, a assessoria explicou que os serviços estão voltando a funcionar de forma gradual e serão reestabelecidos até o fim do dia.

O banco não explicou a causa das instabilidades no site do FGTS.

“O banco informa que a consulta do Saque Extraordinário do FGTS pode ser realizada no Aplicativo FGTS, disponível gratuitamente nas plataformas Android e IOS. A nova versão do aplicativo foi disponibilizada hoje e está sendo liberada gradualmente aos usuários”, disse a Caixa.

Pelo site, o trabalhador pode encontrar as regras sobre o Saque Extraordinário do FGTS. Também está disponível opção para consultar se tem direito ao crédito e a data em que receberá o recurso.

Os saques de até R$ 1.000 começam no dia 20, para nascidos em janeiro, e vão até 15 de junho, para nascidos em dezembro.

Leia também:

9 formas de transformar o seu Imposto de Renda em dinheiro: um eBook gratuito te mostra como – acesse aqui!

Compartilhe