Nome 'limpo'

Serasa busca reabilitar ao crédito 3,4 milhões de devedores de Bradesco e BB

Quem renegociar as dívidas, conseguirá descontos que vão de 70% a 90%

Por  Estadão Conteúdo -

A Serasa Experian está se propondo a limpar os nomes e reabilitar ao crédito 3,4 milhões de pessoas em todo o Brasil, que devem um montante de R$ 7 bilhões aos bancos Bradesco e Banco do Brasil. Para tal, firmou convênio com duas das maiores recuperadoras de crédito do País, a Ativo e a Ipanema.

A primeira ficará responsável pela cobrança de dívidas no total de R$ 4 bilhões da carteira do Banco do Brasil, contraídas por 1 milhão de usuários. A carteira do Bradesco, no valor total e R$ 3 bilhões, será administrada pela Ipanema, que pretende recuperar os débitos de 2,4 milhões de devedores do banco.

A campanha, segundo disse ao Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) o gerente-executivo de Marketing da Serasa, Matheus Moura, já está no ar e os interessados em negociar suas dívidas podem fazê-lo pelo site ou pelo aplicativo da Serasa. O melhor, de acordo com ele, é que a oferta para renegociação das dívidas está aberta também para quem está com prestações em atraso e que ainda não teve o nome negativado.

“Dívida atrasada no Brasil, mesmo que o nome do tomador não esteja ainda negativado sujo, acumula juros”, explicou o gerente da Serasa. E, neste caso, se o devedor se antecipa à inclusão de seu nome nos cadastros de inadimplentes, ele acaba evitando uma série de problemas administrativos e até mesmo constrangimentos. Isso porque o devedor evita abordagens de cobradores ou ter que procurar os credores, uma vez que pode renegociar seus débitos digitalmente pela plataforma “Limpa Nome” da Serasa.

E ao fazer o acordo e pagar a primeira prestação, os usuários que até então estavam negativados deixam ter o “nome sujo”, voltam a ter condições para retornar ao mercado de crédito e começam a acumular pontos (score) que o ajudarão a receber melhores condições de juros em operações futuras.

“O score reflete a vida financeira do cliente e na medida em que ele paga a divida, volta a acumular pontos”, disse Moura, acrescentando que a Serasa faz a ligação entre devedores que querem pagar suas dívidas e empresas que querem receber, levando em conta a importância do crédito sadio para o crescimento da economia do país.

Outra vantagem de se renegociar as dívidas, segundo o gerente da Serasa, é que, dependendo da empresa e do tempo da dívida, o devedor consegue descontos que vão de 70% a 90% da dívida. Entre as condições oferecidas, o cliente poderá escolher a mais adequada ao seu orçamento, a fim de não comprometer mais de 30% da renda mensal, porcentual sugerido pelos especialistas em finanças pessoais.

Cuidados com fraudes

“Definida a oferta, o usuário emite o boleto e efetua o pagamento pelo meio que achar mais conveniente: agência bancária, internet bank ou agência lotérica. Caso esteja negativado, a instituição credora deverá retirar o nome da lista de inadimplência em até cinco dias após o pagamento”, explica o gerente da Serasa advertindo para que as pessoas tomem cuidados para acessar os canais corretos da Serasa e evitar cair em golpes.

“Reforçamos que a única forma de as pessoas limparem seus nomes é renegociando a dívida e a Serasa não cobra nada do devedor por isso. Tem muita gente mal intencionada se aproveitando de uma situação financeira já de dificuldade das pessoas para tirarem vantagem”, alertou Moura.

De acordo com ele, a Serasa envia e-mails, e mensagens via SMS somente para as pessoas que alguma vez na vida acessou e se cadastrou no site da empresa.

Todos os meses a Serasa negocia as dívidas de 1,5 milhão de brasileiros pela plataforma Limpa Nome, onde é possível consultar gratuitamente as dívidas registradas e as negociações disponíveis, em um processo que não costuma ultrapassar mais de três minutos.

“A parceria com a Ativos e a Ipanema permite à Serasa ampliar ainda mais o leque de brasileiros que podem ser beneficiados por ofertas com descontos especiais e condições de parcelamento”, diz Juliana Solé Martello, desenvolvedora de Negócios do Serasa Limpa Nome.

9 formas de transformar o seu Imposto de Renda em dinheiro: um eBook gratuito te mostra como – acesse aqui!

Compartilhe