Em minhas-financas / precos

Alckmin suspende aumento nas tarifas de transporte após liminar

Governo do Estado de São Paulo disse ter recebido notificação na tarde desta terça-feira

Geraldo Alckmin
(Rovena Rosa/Agência Brasil)

SÃO PAULO – Depois de aumentar as tarifas de integração de transportes por dois dias e meio, o Governo do Estado de São Paulo suspendeu o que chamou de “redução nos descontos aplicados sobre tarifas do sistema de transporte metropolitano”.

A ordem de manter valores anteriores foi emitida por liminar do Tribunal de Justiça de São Paulo no dia 6 de janeiro, mas o governo disse tê-la recebido na tarde de hoje.

As tarifas que estavam vigentes desde domingo aumentavam de R$ 5,92 para R$ 6,80 o valor da integração entre ônibus e trilhos. O aumento, de 14,8%, foi quase o dobro da inflação prevista para 2016, de 6,35%.

A partir da suspensão do governador Geraldo Alckmin, a Secretaria de Estado dos Transportes ainda precisa tomar as providências para que os valores caiam novamente, de acordo com nota oficial. “A secretaria notificará a SPTrans, que gerencia o sistema de cobrança eletrônico das tarifas integradas”, diz o texto.

 

Contato