Em minhas-financas / precos

Inflação em São Paulo inicia novembro em ligeira alta

Já a menor taxa de aumento foi constatada em transportes (de 0,07% para 0,03%)

vendas supermercado - 30/10/12
(Marcelo Camargo/ABr)

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido na cidade de São Paulo pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), apresentou alta de 0,4%, na primeira prévia de novembro – ligeiramente acima do resultado apurado no fechamento de outubro (0,37%). O grupo alimentação foi o que mais influenciou o avanço (de 0,85% para 0,8%), mesmo registrando variação menor.

A segunda maior pressão inflacionária partiu do grupo habitação (de 0,38% para 0,43%). Mais duas classes de despesas tiveram elevações: saúde (de 0,44% para 0,52%) e despesas pessoais (de -0,12% para 0,2%).

Já a menor taxa de aumento foi constatada em transportes (de 0,07% para 0,03%). Também houve redução na velocidade de correções de preços em vestuário (de 0,37% para 0,25%) e em educação (de 0,21% para 0,15%).

 

Contato