Conteúdo editorial apoiado por

Panela pega fogo no BBB e acende alerta para risco de incêndio: seguro cobre?

Cobertura básica do seguro residencial inclui incêndio e explosão; saiba se vale para esse tipo de situação

Jamille Niero

Frigideira pega fogo na cozinha do BBB no domingo (24) (Foto: Reprodução)

Publicidade

Uma frigideira com óleo que esquecida por MC Bin Laden no fogão chamou a atenção dos espectadores que acompanhavam o BBB (Big Brother Brasil) na tarde de domingo (24).

Enquanto preparavam o almoço, o funkeiro deixou a panela com o fogão acesso, enquanto se distraiu com outra coisa na cozinha. Davi, outro participante, viu o fogo e foi até o utensílio, levando-o até a pia e colocando-o debaixo da torneira para que a água apagasse o fogo.

Felizmente, o problema foi resolvido, mas acende o alerta para os cuidados que todo mundo deve ter com esse tipo de situação: o ideal para apagar o fogo causado pelo óleo não é com água, já que isto poderia resultar em uma explosão. Isso porque, além de os dois líquidos estarem em ebulição, a água é mais densa que o óleo e sempre “tenta” ficar por baixo, passando pelo óleo muito quente, pulando do estado líquido para o gasoso e formando bolhas que sobem rapidamente, formando uma explosão que leva junto o óleo quente. É uma mistura que tem grande potencial para causar danos – inclusive ferir quem estiver por perto, explica o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina.

Aula Gratuita

Os Princípios da Riqueza

Thiago Godoy, o Papai Financeiro, desvenda os segredos dos maiores investidores do mundo nesta aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

“O combate a este tipo de incêndio tem como principal objetivo impedir que o comburente – ingrediente necessário à combustão – permaneça em contato com o combustível, resultando em uma combustão ainda maior. Por isso, a técnica usada para esse tipo de incêndio é o combate por abafamento, pois essa ação impede o contato com o comburente [oxigênio], assim extinguindo o fogo”, continua o Corpo de Bombeiros.

O primeiro passo é manter a calma e, se possível, desligar o gás que alimenta aquela chama, afastando-se na sequência. Outras recomendações são:

O seguro cobre incêndio ou explosão nesses casos?

“A cobertura básica do seguro residencial inclui explosão de qualquer tipo, além de incêndio e queda de raio”, explica Magda Truvilhano, vice-presidente da comissão de Riscos Patrimoniais Massificados da FenSeg (Federação Nacional de Seguros Gerais).

Outras coberturas, como a queda de um telhado ou vidros quebrados, vão depender do pacote contratado pelo segurado.

É importante lembrar ainda que o seguro residencial cobre os danos causados ao imóvel. Caso o acidente atinja o segurado e ele precise de cuidados médicos ou vá a óbito, o seguro a ser acionado é o de vida.

Magda alerta, no entanto, que a explosão não está coberta quando o cliente agrava o risco, fazendo mau uso do equipamento que explodiu.

“Assim como qualquer cobertura, se agravar o risco, a seguradora pode não pagar. Se foi uma explosão acidental, o cliente terá direito à indenização”, explica.

O valor da apólice de um seguro residencial varia conforme:

Distração na cozinha, vazamento de gás, sobrecarga elétrica e mau funcionamento de equipamentos estão entre as principais causas de incêndio residencial.

Newsletter

Infomorning

Receba no seu e-mail logo pela manhã as notícias que vão mexer com os mercados, com os seus investimentos e o seu bolso durante o dia

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Jamille Niero

Jornalista especializada no mercado de seguros, previdência complementar, capitalização e saúde suplementar, com passagem por mídia segmentada e comunicação corporativa.