Dívidas

Nordeste tem o maior percentual de inadimplência com cheques em junho, diz Telecheque

Considerando todas as regiões, o índice de inadimplência no mês foi de 2,80%

Por  Gladys Ferraz Magalhães

SÃO PAULO – Em junho, a região Nordeste registrou o maior percentual de inadimplência com cheques do mês, de 3,26%, segundo informações da Telecheque, divulgadas nesta segunda-feira (8). Considerando todas as regiões, o índice de inadimplência do mês passado foi de 2,80%, o que representa uma queda de 9,86% em relação a maio, e de 8,57% sobre igual mês de 2012.

No que diz respeito às outras regiões do país, o Centro-Oeste aparece na segunda colocação no ranking de inadimplência, com 3,16%. Norte, Sudeste e Sul aparecem em seguida, com índices de 3,05%, 2,35% e 2,13%, respectivamente.

Motivos e valores
A falta de fundos continua sendo a principal causa de inadimplência, representando 74,61% dos valores em cheques não liquidados no mês de junho. Os outros fatores são: cheques sustados (9,77%), roubados ou furtados (4,30%), fraudados (1,17%) e outros motivos (10,16%).

Ainda conforme o estudo, o valor médio nacional dos cheques emitidos foi de R$ 388,75 em junho. Um mês antes, este valor era de R$ 386,25, enquanto no sexto mês do ano passado era de R$ 335,98.

Compartilhe