Conteúdo editorial apoiado por

Medida que trata de seguro habitacional será discuta na próxima semana

Mudança no cronograma é decorrente do esvaziamento do plenário, segundo informações da Câmara

Publicidade

SÃO PAULO – A discussão da medida provisória 513/10, que autoriza o Fundo de Compensação de Variações Salariais a assumir os direitos e obrigações do seguro habitacional do SFH (Sistema Financeiro da Habitação), foi transferida para a próxima terça-feira (19) pela Câmara dos Deputados.

A mudança no cronograma, cuja discussão estava originalmente prevista para acontecer na noite da quarta-feira (13), é decorrente do esvaziamento do plenário. O relator da Medida Provisória 513/10 é o deputado Wellington Fagundes (PR-MT).

Conforme informações da Agência Câmara, o uso do fundo para assumir os contratos de seguro do SFH é a única solução para cerca de 450 mil mutuários que estão sem cobertura para os sinistros de morte e invalidez permanente e danos físicos aos imóveis.

Masterclass

O Poder da Renda Fixa Turbo

Aprenda na prática como aumentar o seu patrimônio com rentabilidade, simplicidade e segurança (e ainda ganhe 02 presentes do InfoMoney)

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Alterações
A MP 478/09, cuja vigência acabou em junho de 2010, previu a extinção desse seguro com a perspectiva de que esses mutuários migrassem para o setor privado. Mas isso não ocorreu por se tratar de contratos que, em sua maioria, são antigos, com risco de sinistro maior e, por essa razão, a apólice ficaria mais cara.

Com essa solução, o fundo de compensação fará a cobertura dessas apólices antigas, muitas de mutuários prejudicados pelas enchentes em cidades de Alagoas e Pernambuco.

Newsletter

Infomorning

Receba no seu e-mail logo pela manhã as notícias que vão mexer com os mercados, com os seus investimentos e o seu bolso durante o dia

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.