Mais de um terço da população está endividada, revela Fecomércio-RJ

Dados mostram que endividamento é maior entre brasileiros da classe C (35%) e para a compra de bens

SÃO PAULO – Pesquisa realizada pela Fecomércio-RJ (Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro), em parceria com o Ipsos Public Affairs, revelou que mais de um terço dos brasileiros pagava algum tipo de parcelamento.

Os dados, coletados em mil domicílios de 70 cidades brasileiras, inclusive em nove regiões metropolitanas, mostraram que 32% da população tinha um parcelamento em abril deste ano, ante 68% que responderam o contrário. A proporção de endividados é a mesma da identificada no quarto mês do ano passado.

A classe C é a mais endividada, com 35% dela que respondeu que tinha um parcelamento em abril deste ano, contra 31% da classe AB e 28% da DE. No ano passado, por sua vez, eram as classes do topo da pirâmide social as mais endividadas, com 45% que disseram que tinham um parcelamento, ante 31% da classe C e 27% da DE.

Produtos

De acordo com a pesquisa, 26% dos brasileiros que possuem um parcelamento fizeram essa opção para adquirir um eletrodoméstico, enquanto 18% fizeram para a compra de artigos de vestuário e 17%, de móveis.

A aquisição de parcelamentos avançou, entre 2008 e 2009, para compra de bens, enquanto recuou para a finalidade de pagar dívidas, segundo mostra a tabela abaixo, em que se responde “por que você está pagando algum tipo de parcelamento?”:

Item20082009
Comprar eletrodoméstico23%26%
Comprar artigos de vestuário19%18%
Comprar móvel16%17%
Comprar eletrônico15%14%
Comprar veículo16%14%
Pagar dívidas19%12%
Comprar imóveis2%5%
Comprar alimentos3%4%
Reformar a casa4%3%

Fonte: Fecomércio-RJ/Ipsos Public Affairs