Investimentos

Ella’s: como funciona a assessoria financeira voltada para mulheres e para o público LGBT

O time que faz o atendimento é composto 100% por mulheres, que têm juntas mais de 30 anos de experiência no mercado financeiro

Sócias da Ella's Investimentos (Edu Malta/Divulgação)
Sócias da Ella’s Investimentos (Edu Malta/Divulgação)

SÃO PAULO — As mulheres ainda são minoria no mundo dos investimentos. Na Bolsa, elas representam menos de 25% do total de pessoas físicas, enquanto no Tesouro Direto a participação não chega a 30%.

Para as fundadoras da assessoria de investimentos Ella’s, um dos motivos para isso é a falta de profissionais especializados em atender especificamente as mulheres que desejam aplicar seus recursos — algo que a Ella’s pretende mudar. 

“O ambiente financeiro é mais masculino e percebemos que muitas mulheres não se sentem confortáveis nele, então terceirizam as decisões sobre investimentos para maridos e filhos”, diz Rebeca Nevares, uma das fundadoras. 

PUBLICIDADE

“A nossa assessoria entende de fato a dor das mulheres. Quem mais se forma em faculdade hoje são elas, o poder aquisitivo delas está maior, mas ainda não existia nenhuma assessoria que atendesse especificamente esse público”, completa Caroline Rosa, outra sócia da empresa.

O Ella’s é um escritório de agentes autônomas, parceiro da XP Investimentos, que atende especialmente as mulheres. O time que faz o atendimento é composto por mulheres com décadas de experiência no mercado financeiro. 

“Nós já trabalhamos em grandes corretoras de investimento e sempre éramos responsáveis por cuidar de eventos com objetivo de atrair clientes mulheres, mas muito poucas vinham”, conta Caroline Rosa, outra sócia da Ella’s. “Nós percebemos que elas não viriam até nós enquanto elas não se sentissem confortáveis, por isso criamos a Ella’s.”

Embora o objetivo seja fugir de estereótipos, em um primeiro momento, as sócias do Ella’s vão garimpar clientes em locais onde o público é mais feminino, como feiras de casamento. “A ideia é fazer com que mais mulheres conheçam nosso espaço e se sintam confortáveis para nos procurarem no futuro”, diz Rosa.

Outro objetivo das sócias é atender o público LGBT. Elas acrescentam, porém, que não pretendem excluir perfis — se um homem comprar a ideia da Ella’s e quiser ser assessorado pelas profissionais, ele será bem-vindo. 

Nevares e Rosa trabalharam em grandes corretoras de investimento. Nevares atendeu clientes de alta renda na Ativa Corretora e na corretora do banco Santander e deu palestras sobre liderança feminina no mercado financeiro. Ela também liderou a área de treinamento e desenvolvimento de um grande banco digital. 

PUBLICIDADE

Já Rosa, além de ter cuidado da área de renda variável da Genial Investimentos, também passou pela área comercial, atendimento ao cliente e coordenou a área de marketing da ICAP Brasil. 

Também fazem parte do time da Ella’s a jornalista e influenciadora Carol Sandler e as administradoras Carolina Barros e Erica Santos. 

“A mulheres e o público LGBT querem mais representatividade e hoje nós vemos algumas mudanças nesta direção. O empoderamento feminino tem tudo a ver com dinheiro. A pessoa se sente mais segura, dona do próprio destino”, diz Sandler.

 

Quer investir melhor o seu patrimônio? Abra uma conta gratuita na XP Investimentos