Em minhas-financas / economize-dinheiro

Brasileiro prefere produto mais ecológico, desde que diferença de preço não supere 5%

Ainda assim, 46% declaram ter deixado de adquirir uma mercadoria devido às más condutas ambientais da companhia

família consumo gastos

SÃO PAULO - O brasileiro está adquirindo maior consciência ecológica e preocupação com instituições que agridam ao meio ambiente. Contudo, na hora das compras, ele só opta por um produto mais ecológico ou de uma empresa de melhor conduta, se a diferença de preço para os itens que não atendem tais princípios não for superior a 5%.

A constatação é de uma pesquisa realizada pela Proteste – Associação de Consumidores e, segundo o levantamento, nos últimos 12 meses, 46% dos entrevistados declaram ter deixado de adquirir uma mercadoria devido às más condutas ambientais da companhia.

No que diz respeito às compras, 72% relatam que, na última vez que compraram algo, consideraram o comportamento da empresa, levando em conta principalmente a atitude dela com o meio ambiente.

É tudo marketing?
Ainda que o brasileiro esteja mais consciente, 60% afirmam raramente ou nunca ter informações sobre o impacto ambiental do produto ou do comportamento da empresa, sendo que 81% das pessoas acreditam que muitas empresas usam o rótulo da sustentabilidade e responsabilidade social como mera estratégia de marketing para mostrarem-se mais respeitáveis aos consumidores.

A avaliação sobre o papel do governo também não é positiva, com 62% dizendo que as autoridades públicas não fazem um bom papel ao controlar o comportamento das empresas.

Por outro lado, a maior parte dos entrevistados acredita no poder de influência do consumidor, visto que 75% dos entrevistados consideram que suas escolhas de consumo podem pressionar as empresas a melhorarem sua conduta.

 

Contato