2021 no azul

8 aplicativos e planilhas de controle financeiro para organizar gastos e despesas em 2021

Quem deseja organizar o orçamento de maneira rápida e fácil tem na tecnologia uma grande aliada; veja boas opções para o seu planejamento financeiro

SÃO PAULO — Já estamos em 2021 – e todo começo de novo ano é acompanhado das promessas para os próximos 365 dias. Após um ano tão desafiador economicamente como 2020, é esperado que muitas pessoas busquem prosperidade financeira em 2021.

Organizar a vida financeira inclui compreender a dimensão de suas receitas e gastos, visualizando todas as entradas e saídas de dinheiro. E não faltam são boas (e acessíveis) opções para que você possa manter as finanças sob controle. Elas vão desde aplicativos para smartphones até planilhas no Microsoft Excel, mais recomendadas para acesso pelo computador de mesa.

Enquanto aplicativos fornecem facilidade de uso, as planilhas exigem um pouco de disciplina e foco: saber exatamente quanto você ganha; onde gasta seu dinheiro; lembrar-se de registrar as informações na planilha; etc. Afinal, quanto mais detalhada ela for, mais amplo é o controle.

Outro ponto, tão importante quanto o controle de receitas e despesas em aplicativos ou planilhas, são as motivações envolvidas. As ferramentas a seguir apenas auxiliam no controle das suas finanças, e não vão deixá-lo rico de um dia para o outro. O importante aqui é ter a melhor estratégia para ter os gastos na ponta do lápis, com foco em atingir seu objetivo financeiro.

Confira abaixo as recomendações do InfoMoney de bons aplicativos e planilhas de controle de gastos para sair do vermelho em 2021:

1. Planilha InfoMoney

Para ajudar o leitor que procura um 2021 melhor financeiramente, o InfoMoney lançou uma planilha de gastos em Excel. Ela foi elaborada por Lauro Araújo, mestre em finanças internacionais, assessor de investimentos e autor de livros como Guia de Investimentos e Saúde FinanceiraFique Rico e Viva Feliz e Opções do Tradicional ao Exótico. Para personalizar os cálculos à sua realidade, tudo de graça, basta informar seu e-mail no campo abaixo, baixar a planilha e seguir as instruções.

Planeje seus gastos
Baixe de graça a planilha de controle financeiro com todos os cálculos para monitorar seus gastos mensais e veja um resumo sobre a evolução do seu orçamento ao longo do ano:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.

O passo a passo de como usar a planilha corretamente está explicado no tutorial em vídeo abaixo e também na primeira aba da planilha.

Além da nossa planilha, o InfoMoney trouxe outras sete opções para que o leitor possa testar e escolher a mais adequada ao seu perfil.

2. Google Planilhas

PUBLICIDADE

O Google Sheets oferece diversos modelos prontos de planilhas. Alguns dos formatos já montados auxiliam no controle financeiro.

Os usuários podem usar o serviço gratuito para definir gastos anuais com o imóvel, a família, atividades de lazer e outras áreas que pesam no orçamento. A planilha realiza automaticamente as contas e apresenta um balanço do orçamento anual do usuário.

Todas as planilhas são abertas e salvas em um ambiente online, na nuvem do Google. Basta ter uma conta do Google Drive e acesso à internet para ver e editar documentos a qualquer momento. O usuário não precisa baixar nenhum arquivo ou software no seu computador. Os balanços ficarão salvo em sua conta e podem ser baixado para visualização no Microsoft Excel ou em PDF em um software compatível.

3. Idec

Outra interessante planilha para organizar os gastos é a elaborada pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec). A planilha de orçamento doméstico do Idec permite que o usuário saiba exatamente para onde o seu dinheiro está indo. A planilha é totalmente customizável e foi montada para poder atender todos os perfis de gasto.

Basta o usuário preencher seus dados de receitas e despesas, para que a movimentação e o planejamento sejam processados pela planilha.

Do ponto de vista técnico, a tabela do Idec é um pouco mais complexa do que as outras. Mas isso permite, por exemplo, comparar a variação entre ganhos e gastos previstos e reais. Também permite organizar as compras parceladas nos cartões de crédito – uma operação que demandaria melhor entendimento das mecânicas do Microsoft Excel.

4. Guiabolso

O Guiabolso é um aplicativo de smartphone que permite ao usuário sincronizar sua conta bancária. Com acesso à conta, o aplicativo baixa automaticamente as informações do seu extrato e dos seus cartões e passa a analisar constantemente suas movimentações. Assim, não há a necessidade de adicionar manualmente as entradas e saídas de dinheiro.

É importante dizer que, embora o aplicativo solicite a senha eletrônica bancária do usuário, seus dados não são repassados a terceiros.

PUBLICIDADE

Para além do controle simples de receitas e despesas, o Guiabolso ainda tem disponível um consultor financeiro personalizado, alimentado por inteligência artificial. Outro ponto interessante do Guiabolso é o marketplace na plataforma, espaço no próprio aplicativo em que o consumidor pode avaliar diversas propostas de cartões, empréstimos e seguros.

O app tem também uma ferramenta de movimentação bancária, pela qual o usuário consegue fazer transações usando o aplicativo como iniciador de pagamentos. A modalidade foi regulamentada pelo BC em outubro.

O aplicativo do Guiabolso está disponível para download na App Store (iOS) e na Google Play (Android) de forma gratuita. Há também uma versão web, para usuários no computador.

5. Mobills

Com uma proposta semelhante ao Guiabolso, o Mobills oferece modelos prontos de orçamento. O consumidor pode personalizar itens como gastos no cartão de crédito, objetivos financeiros, investimentos e evolução salarial. O Mobills, diferentemente do Guiabolso, possui uma versão paga, com alguns diferenciais em comparação à versão grátis.

A versão gratuita permite categorizar despesas e receitas de forma manual, inserindo gasto por gasto e ganho por ganho, além de criar um planejamento mensal. Esses dados são sincronizados uma vez ao dia e é possível ganhar pontos ao usar o app, que podem ser trocados por itens e benefícios exclusivos dentro da plataforma. Na versão paga, é possível importar dados automaticamente, cadastrar mais de uma conta bancária por sessão e criar filtros personalizados.

A versão premium do aplicativo custa custa R$ 79,90 ao ano ou R$ 14,90 ao mês. O app do Mobills está disponível para download na App Store (iOS) e na Google Play (Android).

6. Olivia

Com uma proposta semelhante ao Guiabolso e ao Mobills, a Olivia é também um dos aplicativos de controle de gastos mais bem avaliados no Brasil.

O grande trunfo do app está na tecnologia empregada no seu uso. A Olivia se diferencia ao utilizar inteligência artificial  (IA) para compreender a rotina de gastos do usuário e direcionar dicas e sugestões personalizadas para cada perfil.

PUBLICIDADE

Ao final de um mês, a Olivia pode perceber que os gastos do usuário com delivery foram superiores às despesas nessa mesma categoria no mês anterior. Com isso, a IA do app desafia o usuário a gastar menos com delivery no mês seguinte, estabelecendo um teto de gastos e lembrando constantemente da meta ao usuário.

A Olivia aposta justamente no comportamento para melhorar a saúde financeira dos usuários. Além de ser um aplicativo um pouco mais descontraído, já que a interface lembra uma conversa de WhatsApp, a Olivia incentiva o usuário por meios de desafios como o mencionado e estipula metas de consumo. Vale ressaltar que a Olivia não controla seus gastos, mas dá recomendações. A decisão final sempre é do usuário.

Assim como o Guiabolso, o app funciona a partir da integração da conta bancária e pede a senha eletrônica do usuário para poder acompanhar as movimentações na conta. No caso da Olivia, o acesso, porém, permite apenas visualizar informações.

O aplicativo da Olivia está disponível para download na App Store (iOS) e na Google Play (Android) de forma gratuita.

7. Minhas Economias

O Minhas Economias também é um aplicativo para organizar as finanças. O programa lista todas as suas receitas e despesas e permite que você gerencie melhor suas transações.

O app permite que o usuário insira informações de entrada e saída de mais de uma conta bancária, mas tudo de forma manual. Ao compilar as informações, o app categoriza transações e analisa o balanço do usuário, entregando gráficos e relatórios sobre sua situação financeira atual. Também dá dicas e sugestões de como e onde o usuário pode tentar gastar menos.

Outro ponto interessante do app é uma aba que permite ao usuário registrar objetivos. Então, o aplicativo traça um planejamento de como atingir esses sonhos financeiros.

O Minhas Economias está disponível para download na App Store (iOS) e na Google Play (Android) de forma gratuita. Há também uma versão web para usuários no PC.

8. Organizze

Assim como o Mobills, o Organizze é um app de controle de gastos que possui duas versões: uma totalmente gratuita e uma paga, que custa R$ 11,90 ao mês ou R$ 80 ao ano.

Na versão grátis, o usuário pode gerenciar e visualizar a situação da conta corrente, poupança ou carteira de investimentos no mesmo lugar. Porém, os dados, como as entradas e as saídas, devem ser preenchidos manualmente pelo próprio usuário.

Já na versão paga, o usuário pode definir metas de quanto gastar em determinado item ou categoria e ainda receber alertas sobre contas à pagar e boletos em aberto. O usuário que optou por pagar a mensalidade (ou anuidade) do app ainda pode gerenciar o uso de um cartão de crédito. Um diferencial do Organizze é que ele funciona sem conexão direta com a internet.

O aplicativo está disponível para download na App Store (iOS) e na Google Play (Android). Há também uma versão web para usuários no PC.

Quer migrar para uma das profissões mais bem remuneradas do país e ter a chance de trabalhar na rede da XP Inc.? Clique aqui e assista à série gratuita Carreira no Mercado Financeiro!