Conteúdo Patrocinado
Oferecido por

O que levar em conta na hora de alocar seus investimentos

Contar com a ajuda de um assessor pode ajudar a identificar melhores oportunidades em FIIs, fundos de investimento e ações

Definir onde alocar os investimentos em tempos de incerteza não é uma tarefa fácil. Com o temor de uma segunda onda de contágio do novo coronavírus, um cenário econômico depreciado e um ambiente político instável, é importante ficar atento no processo de decisão de escolher os investimentos.

O primeiro passo para quem possui um patrimônio a ser investido e não sabe como distribuí-lo entre as modalidades possíveis é levar em consideração o perfil e o objetivo do cliente. A disposição para tomada de risco e os montantes disponíveis ajudam a traçar as melhores oportunidades.

Seja um fundo de investimento, um FII ou uma carteira de ações, o investidor precisa conhecer um pouco mais sobre o produto, ou do mix de todos eles, para direcionar seus aportes e fazer mudanças sempre que achar necessário.

De acordo com Paulo Provenzano, sócio-fundador, assessor e responsável pela mesa private da Zahl Investimentos, com a Selic nos patamares atuais é necessário buscar alternativas mais voláteis para capitalizar de fato uma carteira, tais como os fundos de investimento, FII e ações.

Ele afirma que o assessor é peça fundamental no processo decisório ainda mais em momentos como o atual. “Conhecendo o cliente e a estratégia que deverá ser adotada, o assessor vai poder indicar o portfólio de investimento inicial com foco exclusivo no cliente, bem como alocar os aportes recorrentes. Assim, poderá balancear a carteira e aproveitar as oportunidades pontuais que surgirem”, afirma.

Veja como ter acesso a esses ativos financeiros com assessoria especializada

FIIs são boa opção para o momento atual

Paulo acredita nas boas opções de FIIs (fundos de investimento imobiliário). “Os rendimentos mensais pagos representam cerca de 200% do CDI e são isentos de Imposto de Renda na média. Isso sem considerar ainda a variação da cota. São retornos muito interessantes para a nossa realidade”, diz.

O executivo, no entanto, diz que a união de vários produtos é o caminho mais seguro. “Em uma carteira diversificada há espaço para complementação”, diz.

Em FIIs, por exemplo, a estratégia pode ser a recompra mensal de mais cotas com os dividendos pagos, aumentando o recebimento no mês seguinte. A mesma lógica serve para os dividendos pagos recorrentemente pelas ações. A ideia é ampliar o patrimônio.

Investidor decide se quer realizar aportes recorrentes

Na Zahl, o investidor tem a possibilidade de realizar aportes sempre que desejar, não havendo compromissos padronizados em relação a isso.

Conforme o valor e o momento que forem sendo realizados estes aportes, o assessor vai poder sugerir alternativas de investimentos em atuais produtos de carteira, rebalanceamento, ou mesmo aplicar em oportunidades pontuais que estejam disponíveis naquele momento.

Cliente pode escolher nível de participação na formação da carteira

Paulo explica que na Zahl, um dos maiores escritórios credenciados à XP Investimentos com cerca de 6 mil clientes e próximo de atingir R$ 2 bilhões em custódia, o cliente decide o quanto quer participar da formação de sua carteira.

Nos fundos de investimentos, por exemplo, a composição fica por conta de um gestor especialista, com o cliente não participando do processo decisório.

Já no caso dos FIIs e ações, o cliente tem papel fundamental e precisa decidir o que comprar ou vender com base em todas as informações disponibilizadas pela Zahl. “Nem todos gostam da necessidade de participar do processo decisório de algo que não dominam. Tudo isso é levado em conta na composição da carteira”, explica Paulo.

Cliente como protagonista e assessor para impulsionar ganhos

Mensalmente, o site da Zahl disponibiliza relatórios de acesso gratuito para cada modalidade de investimento. A ideia é que o material traga protagonismo ao cliente e ajude na tomada de decisão para a montagem e atualização da carteira.

No entanto, a ajuda profissional se destaca pela qualidade do atendimento, do formato dos processos, disponibilidade de produtos e da qualificação dos profissionais da Zahl.

Paulo reitera a necessidade de buscar produtos que se complementam e que não estejam expostos às mesmas variáveis. Desta forma, a média da carteira sempre vai estar equilibrada e protegida de riscos.

“O melhor caminho é contar com o atendimento de um assessor. Nosso propósito é atender cada cliente como único, trazendo a ele as melhores alternativas de investimentos focadas em seu perfil e objetivos”, finaliza o executivo.

Não atravesse pela turbulência sem ajuda. Clique e consulte uma assessoria especializada

 

 

Importante: A publicação acima é um conteúdo patrocinado, sendo que a Infostocks Informações e Sistemas Ltda. (“InfoMoney”) não tem qualquer responsabilidade pelo conteúdo e informações disponibilizadas, não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações, não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. O autor ou empresa responsável pelo conteúdo estão indicados na própria publicação.