Funcionalismo público

Bolsonaro sobre reajuste a policiais: “Houve uma grita geral, e o limite é maio para dar ou não dar”

Governo tem feito vários acenos a policiais, em uma tentativa de manter o apoio de parte importante de sua base eleitoral

Por  Estadão Conteúdo -

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou, nesta quarta (16), que o limite para definir se haverá ou não reajuste a policiais é até maio. A declaração foi dada em entrevista à Rádio Jovem Pan, durante viagem à Rússia.

“Havíamos reservado uma parcela para reajuste desses servidores para reestruturar a carreira, houve uma grita geral e o limite é maio para dar ou não esse reajuste. Outros ameaçam parar o Brasil e aí eu lamento, porque os policiais vão ter que esperar até o ano que vem”, declarou o presidente.

O governo Bolsonaro tem feito vários acenos a policiais, em uma tentativa de manter o apoio de parte importante de sua base eleitoral. “Por que não podemos ajudar uma categoria? Por todos tem que ser prejudicados?”, questionou.

Leia também:
É policial? Senado aprova programa que financia casa própria para categoria
Vetar reajuste de policiais seria pior, diz líder da ‘bancada da bala’
Servidores do Banco Central iniciam mobilização por entrega de cargos
Guedes insiste em reajuste zero até para policiais
Servidores federais prometem paralisações e até greve geral
Auditores do trabalho entregam cargos de chefia

Aprovado no final do ano passado pelo Congresso, o Orçamento deste ano incluiu na versão final uma reserva de recursos de R$ 2 bilhões para aumento aos servidores.

Apesar de a verba não ser carimbada a nenhuma categoria em específico, Bolsonaro sempre deixou evidente que o valor seria destinado a reajuste para policiais federais, rodoviários federais e agentes penitenciários.

A seletividade gerou um efeito cascata em outras categorias, que também reivindicam correção de seus salários. Uma greve geral de funcionários não é descartada. Diante desta possibilidade, o presidente afirmou que, “se não tiver clima” para aumento aos policiais, a categoria terá que esperar até o ano que vem.

Cadastre-se na IMpulso e receba semanalmente um resumo das notícias que mexem com o seu bolso — de um jeito fácil de entender:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.
Compartilhe