Juros

Após corte da Selic, Itaú anuncia redução nas taxas de juros

Os novos valores começam a valer a partir da próxima segunda-feira (3) e atingem tanto os clientes pessoa física, como as empresas

SÃO PAULO – Após a decisão do Copom (Comitê de Política Monetária), que reduziu em 0,50 ponto percentual a Selic na última quarta-feira (29), o Itaú decidiu reduzir as taxas de juros de diversas modalidades de empréstimo.

Os novos valores começam a valer a partir da próxima segunda-feira (3) e atingem tanto os clientes pessoa física, como as empresas, conforme é possível observar a seguir:

Pessoa Física 

  • Crédito pessoal para clientes Max Conta Portabilidade Salário: caem do atual intervalo entre 1,91% a 4,85% para de 1,87% a 4,81% ao mês
  •  Crédito pessoal para os demais clientes: passam de 2,41% a.m. a 6,62% a.m. para de 2,37% a 6,58% mensais
  • Cheque especial: passam do intervalo de 5,20% a 8,81% ao mês para de 5,16% a 8,77% mensais.

Pessoa Jurídica

  •  Capital de Giro: de 5,42% ao mês para 5,38% ao mês.
  • Cheque especial: dos atuais 8,81% ao mês para 8,77% ao mês,
  • Antecipação de recebíveis de duplicatas, cheques e cartão de crédito: de 4,82% ao mês para 4,78% ao mês.