Aluguel nas capitais brasileiras supera inflação no 1º semestre; veja valores

Crescimento variou de 6,35% em São Paulo a 9,8% em Curitiba; inflação no mesmo período ficou entre 1,84% e 3,63% nas capitais analisadas

Estadão Conteúdo

(Foto: Pixabay)
(Foto: Pixabay)

Publicidade

As principais capitais brasileiras observaram aumento significativo nos preços de aluguéis no primeiro semestre deste ano, superando de forma expressiva a taxa de inflação medida pelo IPCA. É o que mostra o Índice de Aluguel QuintoAndar Imovelweb, divulgado nesta quarta-feira (10).

Segundo a plataforma, o crescimento dos valores variou de 6,35% em São Paulo a 9,8% em Curitiba. Em contrapartida, a inflação no mesmo período ficou entre 1,84% e 3,63% nas capitais analisadas, conforme divulgado pelo IBGE.

Thiago Reis, gerente de dados do grupo QuintoAndar, destaca que, apesar de um processo de desaceleração em comparação com anos anteriores, “os preços médios dos aluguéis continuam em alta, crescendo de forma moderada. É preciso acompanhar a dinâmica do mercado no segundo semestre para ver se os valores arrefecem”.

Continua depois da publicidade

Curitiba liderou as altas com um aumento de 9,8%, o que representa quatro vezes a taxa de inflação medida. O preço médio do metro quadrado para aluguel na capital paranaense atingiu um recorde de R$ 40 em junho. Em contrapartida, São Paulo registrou a menor variação entre as cidades analisadas, com um crescimento de 6,35% e o valor do metro quadrado alcançando R$ 63,62, também um recorde histórico desde o início da série em 2019.

Baixe uma planilha gratuita para calcular seus investimentos em renda fixa e fuja dos ativos que rendem menos

Variação mensal

Os preços de aluguéis nas principais capitais brasileiras mostraram variações distintas no último mês. Em São Paulo, a variação foi de 0,34%, enquanto ao longo dos últimos 12 meses houve um crescimento de 9,25%. O preço médio do metro quadrado na cidade atingiu R$ 63,62.

Continua depois da publicidade

Em Belo Horizonte, os aluguéis subiram 1,28% no último mês, contribuindo para um aumento anual de 12,81%, com o valor do metro quadrado alcançando R$ 36,41.

Curitiba registrou variação mensal de 0,53%, acumulando valorização de 16,64% nos últimos 12 meses, com o metro quadrado custando R$ 40,00. No Rio de Janeiro, a variação foi mínima, apenas 0,04% no último mês, com crescimento de 13,21% no ano, e o metro quadrado a R$ 41,33. Porto Alegre apresentou um aumento significativo, de 1,79% no mês, acumulando valorização de 14,47% em 12 meses, com preço médio de R$ 34,57 por metro quadrado. Já em Brasília, os aluguéis subiram 0,95% no mês, totalizando 14,44% no ano e com metro quadrado a R$ 46,20.