Warren Buffett eleva aposta no Japão e aumenta participação em cinco tradings do país

A Berkshire Hathaway detém participações na Itochu Corp., Marubeni Corp., Mitsubishi Corp., Mitsui & Co. e Sumitomo Corp.,

Bloomberg

Publicidade

(Bloomberg) – A Berkshire Hathaway aumentou sua participação em cinco tradings do Japão para uma média de 8,5%, em um movimento para dobrar a aposta em algumas das ações favoritas de Warren Buffett.

A Berkshire detém participações na Itochu Corp., Marubeni Corp., Mitsubishi Corp., Mitsui & Co. e Sumitomo Corp., disse a companhia em comunicado na segunda-feira. Buffett, presidente do conselho da Berkshire, disse em abril que a empresa aumentaria as participações nas empresas japonesas, fazendo com que os preços das ações subissem para níveis recordes.

Buffett viajou ao Japão em abril para se reunir com executivos das tradings pela primeira vez em um turbilhão de reuniões que ambos os lados proclamaram como um sucesso. Os conglomerados, que fazem de tudo, desde comércio de gás até o cultivo de salmão, anunciaram um aumento nos lucros no último ano fiscal devido aos altos preços das commodities e ao iene fraco.

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

O endosso do investidor bilionário, combinado com sinais de inflação estável e melhores retornos aos acionistas, incluindo recompras, ajudaram a impulsionar as ações japonesas para uma máxima em 33 anos. O índice Topix Wholesale Trade – que inclui a Mitsubishi e outros pares – subiu 39% este ano, ultrapassando os fabricantes de eletrodomésticos.

A Mitsubishi e outras empresas sediadas no Japão com exposição a commodities têm usado os recursos obtidos com a alta  nos preços da energia do ano passado para realizar programas de recompra.

O potencial de valorização para as ações dessas empresas e as ações japonesas em geral, no entanto, pode ser limitado a partir de agora, já que o mercado já considerou novas compras de Buffett, de acordo com Hiroshi Namioka, estrategista-chefe da T&D Asset Management Co Ltd.

Continua depois da publicidade

A Berkshire planeja aumentar os investimentos para até 9,9% de cada uma das cinco empresas japonesas. “A empresa não fará compras além desse ponto, a menos que receba aprovação específica do conselho de administração da investida”, de acordo com o comunicado.

© 2023 Bloomberg L.P.