soja

USDA prevê leve crescimento na safra mundial de soja 2015/2016

Departamento de Agricultura dos Estados Unidos estima que o Brasil irá aumentar em 14,6% volume esportado de soja nesta safra

Por  Rodolfo Mondoni

SÃO PAULO – Em seu 11º levantamento da safra mundial de soja 2015/16, o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA, na sigla em inglês) prevê uma produção de 320,2 milhões de toneladas, crescimento de 1,6 milhão de toneladas ou 0,5% em relação à safra 2014/15. Com isso, houve uma queda de 300 mil toneladas entre o atual levatamento e anterior.

Consumo, estoque e vendas

O consumo mundial de soja foi estimado em 315,7 milhões de toneladas, volume 5,5% acima da safra anterior. Para os estoques, espera-se um aumento de 2,2% entre as safras 2014/15 e 2015/16, chegando a 78,9 milhões de toneladas. Para as exportações mundiais, projeta-se um incremento de 4,0%, resultado influenciado pelo aumento das vendas externas da América do Sul.

Em relação ao relatório de fevereiro, o USDA manteve sua previsão de oferta para o Brasil em 100,0 milhões de toneladas.  

A estimativa de venda externa do Brasil foi elevada em 1 milhão de toneladas em relação ao levantamento anterior. Com isso, o país deve embarcar 58 milhões de toneladas em 2015/16, volume 14,6% superior ao do ciclo 2014/15.

Compartilhe