GameFi

Ubisoft lança plataforma de jogos com NFTs nesta quinta-feira no Brasil

Jogadores poderão adquirir Digits, como a empresa chamou os primeiros NFTs jogáveis em games AAA

Por  Rodrigo Tolotti

A empresa francesa de games Ubisoft anunciou sua nova plataforma Ubisoft Quartz, que coloca a companhia no mercado dos tokens não fungíveis (NFTs).

Segundo comunicado, o projeto em fase beta será lançado nesta quinta-feira (9) a partir das 15h em diversos países, incluindo o Brasil.

Na plataforma, os jogadores poderão adquirir o que a empresa chamou de Digits, os primeiros NFTs jogáveis em games AAA (jogos de alta qualidade e feitos com grandes orçamentos). O primeiro jogo a receber a novidade será Tom Clancy’s Ghost Recon Breakpoint para PC.

Segundo a companhia, os Digits são “uma nova forma de testar itens cosméticos, combinando a diversão de jogar com produtos de qualidade AAA e a exclusividade de contar com NFTs que representem peças únicas dos mundos da Ubisoft”. Os tokens também serão itens colecionáveis dentro do jogo, como veículos, armas e equipamentos.

A tecnologia NFT tem revolucionado o mercado de games ao incluir os jogadores dentro do negócio movimentado pelas empresas. Se até pouco tempo os usuários tinham que gastar dinheiro além do custo do jogo para adquirirem itens novos, agora eles conseguem revender os objetivos, movimentando os valores dentro da plataforma e com a possibilidade de ter lucro.

A Ubisoft explica que cada Digit tem seu próprio número de série e é visível para outros jogadores, permitindo que seu histórico seja rastreável. Além disso, os ativos serão registrado em blockchain e não ficarão presos ao inventário dos jogadores, podendo ser colocados à venda para que outros gamers os comprem fora do ecossistema da empresa.

Leia também: O que são NFTs? Entenda como funcionam os tokens não fungíveis

“Nosso trabalho intenso e constante nos levou a entender como a abordagem descentralizada do blockchain pode, genuinamente, tornar os jogadores stakeholders dos nossos jogos, de forma que esta novidade também fosse sustentável para a indústria, colocando nas mãos dos gamers um valor que eles mesmo geram quando jogam, compram e criam conteúdo online”, disse Nicolas Pouard, vice-presidente do Laboratório de Inovação Estratégica da Ubisoft.

“O Ubisoft Quartz é o primeiro tijolo da nossa ambiciosa proposta de desenvolver um verdadeiro metaverso, e não seria possível fazer isso sem passar pelas limitações iniciais do blockchain dentro dos jogos, incluindo escalabilidade e consumo de energia”, completa ele.

Baixo consumo de energia

A Ubisoft também contou que a novidade tem parceria com a Tezos, um blockchain que funciona por um algoritmo de consenso de Proof-of-Stake (prova de participação), que utiliza muito menos energia para funcionar do que outras blockchains, como Bitcoin ou Ethereum, baseados no algoritmo Proof-of-Work.

“A eficiência energética é um requisito fundamental para impulsionar as tecnologias blockchain em um futuro onde ela poderá ser amplamente usada por milhões de pessoas. Escolhemos a Tezos por conta de seu algoritmo Proof-of-Stake original e sua liderança em NFTs limpas”, disse Didier Genevois, diretora técnica de Blockchain na Ubisoft.

“Uma transação nesta rede usa a mesma quantidade de energia que a transmissão ao vivo de 30 segundos em vídeo, enquanto a geração anterior de redes de blockchain podem consumir a mesma energia necessária para um ano de streaming ininterrupto. O baixo índice de emissão de carbono significa que os nossos desenvolvedores e jogadores podem priorizar a inovação sem medo de comprometer a sustentabilidade”, afirmou ela.

A fase beta tem início nesta quinta, a partir das 15h e estará disponível em nove países: Estados Unidos, Canadá, Espanha, França, Alemanha, Itália, Bélgica, Austrália e Brasil. O projeto experimental começará com a liberação de três Digits gratuitos em 9, 12, e 15 de dezembro, como recompensa aos jogadores por aderirem antecipadamente ao projeto.

Neste início, o Ubisoft Quartz estará disponível apenas para jogadores que atendam a três critérios: joguem Tom Clancy’s Ghost Recon Breakpoint no Ubisoft Connect via PC; estejam pelo menos no nível 5 de XP no jogo; e tenham mais de 18 anos. Além disso, o número de Digits que o jogador pode ter em uma única edição é limitado a apenas um item.

Quer aprender a investir em criptoativos de graça, de forma prática e inteligente? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir

Compartilhe