Guerra comercial

Trump diz que “tudo é possível” em relação a adiamento de tarifas contra China

Presidente americano afirmou que Washington recebeu duas ligações telefônicas da China na noite de ontem e que os dois países retomarão negociações comerciais "em breve" e de "forma muito séria"

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta segunda-feira que “tudo é possível” ao ser perguntado sobre um eventual adiamento das tarifas de Washington previstas contra a China.

Trump, que falou durante coletiva de imprensa na cúpula do G-7 em Biarritz, França, acrescentou que os EUA estão numa “posição muito melhor agora” do que antes nas negociações comerciais com a China.

Mais cedo, Trump afirmou que Washington recebeu duas ligações telefônicas da China na noite de ontem e que os dois países retomarão negociações comerciais “em breve” e de “forma muito séria”.

Trump disse ter muito respeito pelo presidente chinês, Xi Jinping, e acrescentou que Pequim quer fechar um acordo comercial com os EUA. “Acho que teremos um acordo”, afirmou.

Os comentários de Trump vieram após uma nova escalada na disputa comercial entre EUA e China. Na sexta-feira (23), Pequim anunciou que irá tarifar mais US$ 75 bilhões em produtos chineses, levando Trump a anunciar elevação de tarifas para US$ 550 bilhões em bens chineses.

Invista melhor seu dinheiro: abra uma conta de investimentos na XP – é de graça!

(Com Agência Estado)