Texas Instruments tem resultado aquém do esperado e ações recuam

Lucro por ação e receita líquida da fabricante de chips norte-americana decepcionam os analistas; Intel supera concorrente

Por  Rafael Souza Ribeiro

SÃO PAULO – A Texas Instruments registrou lucro de US$ 0,62 por ação (US$ 769 milhões) durante o segundo trimestre deste ano, praticamente o triplo em relação ao resultado apresentado no mesmo período do ano passado, segundo dados reportados pela fabricante de chips norte-americana nesta segunda-feira (19).

A receita da empresa cresceu para US$ 3,5 bilhões no segundo trimestre, avanço de 42% em relação ao registrado em igual período do ano passado. Além disso, a companhia espera lucro entre US$ 0,64 e US$ 0,74 por ação no terceiro trimestre e receita de até US$ 3,85 bilhões.

Apesar do bom resultado na comparação anual e o guidance otimista, o lucro por ação e a receita da empresa ficaram aquém da média apurada pela Bloomberg. Os analistas consultados esperavam lucro de US$ 0,63 por ação e receita de US$ 3,52 bilhões.

Mesmo com a pouca diferença, o desempenho apresentado ficou abaixo da Intel, que superou as estimativas dos analistas. Como são concorrentes diretos no mercado de chips, os analistas ponderam os múltiplos, relação que impacta diretamente no papel no after hours.

Reação no mercado
Repercutindo o resultado abaixo das expectativas, as ações da Texas Instruments, que fecharam o pregão regular do Nasdaq com alta de 3,15%, são negociadas com forte baixa de 5,60% no after hours.

Compartilhe