Perspectivas

Temporada de resultados, PIB dos EUA e Fomc: o que acompanhar na próxima semana

Tudo que o investidor precisa saber antes de operar na semana

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A última semana de janeiro promete começar a agitação no mercado no ano. Além de uma agenda mais recheada, principalmente no exterior, com dados importantes da economia dos Estados Unidos, tem início ainda a temporada de resultados corporativos do quarto trimestre de 2019.

Na segunda-feira (27), após o fechamento do mercado, a Cielo (CIEL3) estreia o período de divulgações de balanços, que também contará com os números acumulados do ano passado de cada empresa.

Aprenda a investir na bolsa

Já na quarta de manhã será a vez do Santander (SANB11) divulgar seu resultado. A temporada do quarto trimestre deve durar até o final de março.

Entre os indicadores, os dados de inflação e atividade ganham importância com a proximidade da próxima reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), que ocorre no dia 5 de fevereiro.

Na segunda-feira saem os números das contas externas, que podem mostrar alta dos investimentos diretos em dezembro. A semana ainda conta com o IGP-M de janeiro, com estimativas de desaceleração mensal segundo dados da Bloomberg, além da taxa de desemprego, com previsão de baixa marginal. Dados de crédito e resultado fiscal também ficam no radar.

Fomc e PIB dos EUA são destaque

A agenda externa fica forte nos próximos dias, com atenção especial para os EUA, enquanto na China as atenções seguem voltadas para os casos do coronavírus em um momento onde ocorrem as festividades do Ano novo no país, que começam neste sábado.

O governo chinês restringiu viagens de pessoas no país para conter a doença no feriado, que vai até quinta-feira. Há um grande receio de que está crise de saúde possa afetar a economia do país, prejudicando principalmente o comércio e turismo. Na quinta são apresentados ainda os números do PMI de janeiro.

De volta à América do Norte, o Federal Reserve divulga sua decisão de juros na quarta-feira, com expectativa de manutenção das taxas. Apesar disso, os investidores ficam atentos às sinalizações do comunicado e também do discurso do chairman Jerome Powell.

PUBLICIDADE

Além disso, na quinta de manhã será divulgado o Produto Interno Bruto (PIB) dos EUA. Na semana saem ainda os números do PCE, renda e despesas pessoais dos americanos. Entre os resultados, destaque para a Apple e Facebook

Na Europa, atenção para o Brexit (saída do Reino Unido da União Europeia), que deve ocorrer na sexta-feira (31), mais de três anos depois que a população decidiu pelo divórcio. Apesar do evento, ainda haverá um longo período de transição, que deve durar pelo menos até o fim do ano.

Quer investir melhor o seu dinheiro? Clique aqui e abra a sua conta na XP Investimentos