Taxa de desemprego cai depois de 4 anos na região metropolitana de São Paulo

Conteúdo do Portal InfoMoney – Editoria Mercados

Por  Equipe InfoMoney

O Dieese e a Fundação Seade divulgaram há pouco a pesquisa de emprego e desemprego na região metropolitana de São Paulo referente ao mês de dezembro. A taxa de desemprego em dezembro registrou uma variação de 16,2% da PEA (população economicamente ativa), e permaneceu inalterada em relação a novembro, quando apresentou a mesma porcentagem. Segundo os órgãos realizadores da pesquisa, o contingente de desempregados na região metropolitana de São Paulo é estimado em 1.466.000 pessoas.
Em 2000, a taxa de desemprego na região metropolitana de São Paulo apresentou um resultado de 17,6% da PEA, enquanto em 1999 a taxa foi de 19,3%, interrompendo uma trajetória crescente verificada nos quatro anos anteriores. Esse resultado é decorrência da criação de 280 mil novos postos de trabalho, montante superior aos 156 mil novos trabalhadores que ingressaram no mercado de trabalho no ano passado. Entretanto, durante o período em análise, verificou-se o crescimento de formas mais frágeis de inserção ao mercado de trabalho, como os trabalhadores sem carteira assinada e autômonos.

Outro fator que também foi destacado pelo Dieese e pela Fundação Seade foi o aumento da jornada semanal média de trabalho; entre 1995 e 1999, a jornada era de 43 horas e em 2000, o tempo médio de trabalho passou para 44 horas semanais.

Compartilhe