Novas estimativas

Suzano (SUZB3) estima investimento adicional de R$ 4,6 bilhões no Projeto Cerrado

O valor adicional será destinado para investimentos florestais, logísticos e em planta química, dentre outros

Por  Equipe InfoMoney

A Suzano (SUZB3) divulgou nesta sexta-feira (05) estimativas a respeito do Projeto Cerrado, que consiste na construção de uma nova planta de produção de celulose no município de Ribas do Rio Pardo, no estado do Mato Grosso do Sul.

Em adição ao investimento de capital industrial de R$ 14,7 bilhões, a companhia estima um valor adicional de R$ 4,6 bilhões que contempla um dispêndio total de R$ 19,3 bilhões relativo à plena execução do Projeto Cerrado, com desembolso distribuído entre os anos de 2021 e 2024.

O valor adicional será destinado para investimentos florestais, logísticos e em planta química, dentre outros.

A Suzano estima atingir, a partir da conclusão da curva de aprendizagem da nova planta industrial um custo caixa de produção de celulose inferior a R$ 500 por tonelada.

A companhia estima ainda, a partir do início do segundo ciclo florestal, adotando como referência a entrada em operação da nova fábrica, os seguintes desembolsos operacionais, em regime, na nova unidade de Ribas do Rio Pardo: custo caixa de produção de celulose inferior a R$ 400 por tonelada e investimentos de manutenção de R$ 270 por tonelada.

Aprenda a transformar a Bolsa de Valores em fonte recorrente de ganhos. Assista a aula gratuita do Professor Su e descubra como.

Compartilhe