Ações

Small caps brasileiras sofrem com macro ruim e resgate de fundos

Índice atingiu o menor nível desde junho de 2020, enquanto o MSCI Brazil Small Cap tem performance inferior à do MSCI Brazil

Por  Bloomberg -

(Bloomberg) — As ações de empresas com baixa capitalização de mercado no Brasil estão despencando à medida em que a bolsa local é atingido pela perspectiva de um crescimento econômico mais fraco e os investidores redirecionam suas apostas para produtos de renda fixa.

O índice Small Cap atingiu o menor nível desde junho de 2020 nesta quarta-feira, enquanto o MSCI Brazil Small Cap tem performance inferior à do MSCI Brazil em mais de seis pontos percentuais desde o início do ano.

Enquanto algumas casas incluindo a gestora Legacy Capital projetam uma contração do Produto Interno Bruto brasileiro em 2022, os fundos de ação estão tendo que se desfazer de posições ao lidar com resgates em meio à alta de juros. Os FIAs registraram um resgate líquido de R$ 6,1 bilhões em novembro, de acordo com a Anbima, a associação dos participantes no mercados de capitais do país.

Expectativa de inflação desancorada e desaceleração da economia são maus sinais para small caps, disse Rodrigo Crespi, analista da Guide Investimentos. “Vemos uma migração para empresas de valor — ou até para renda fixa, principalmente por parte do investidor de varejo.”

As principais quedas do Small Cap no acumulado do ano são da companhia de implementos rodoviários Recrusul, com perda de 33%, seguida da plataforma para investidores TC Traders Club e da Locaweb.

O portfólio recomendado do BTG Pactual de small caps para janeiro inclui Companhia Brasileira de Alumínio, Locaweb, 3R Petroleum, Santos Brasil, 3tentos, ABC Brasil, Track & Field, Clear Sale, Desktop e Sinqia.

©2022 Bloomberg L.P.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe