Sequoia celebra memorando para combinar negócios com MOVE3, Natura conclui venda da The Body Shop e mais

Confira os principais destaques do noticiário corporativo desta terça-feira (2)

Camille Bocanegra

Publicidade

No radar corporativo desta terça-feira (2), a Sequoia (SEQL3) informou assinatura de memorando vinculante com o grupo MOVE3, para potencial combinação de negócios.

A PetroReconcavo (RECV3) informou a eleição de novo CEO, após renúncia do diretor executivo anterior, em 29 de dezembro. Já a Natura&Co (NTCO3) concluiu a venda da The Body Shop para o Aurelius.

Confira mais destaques:

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Sequoia (SEQL3)

A Sequoia Logística e Transportes celebrou memorando de entendimentos vinculante com os atuais acionistas do Grupo MOVE3, JGB III Fundo de Investimento, Newfoundland Capital Management US, LLC e Newfoundland Iron Gestora de Recursos, para potencial combinação de negócios. A operação prevê que a companhia incorpore o Grupo MOVE3 e os Acionistas MOVE3 se tornarão assim titulares de participação societária relevante na companhia.

Em fato relevante enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a empresa destaca que durante a vigência do Memorando Vinculante, as partes irão avaliar e discutir a estrutura para implementação da Potencial Operação em conjunto com assessores legais, financeiros e contábeis contratados para este fim.

O Grupo MOVE3 foi fundado em 1993 e consolidou-se na área de
logística bancária, abrangendo todos os meios de pagamento. “Ao longo desses 30 anos o grupo passou por uma significativa evolução tecnológica, tornando-se a referência em tecnologia e com o mais alto nível de automação e robotização do segmento”, diz.

Continua depois da publicidade

Com uma presença abrangente em todo o território nacional, o Grupo MOVE3 opera com 520 unidades franqueadas e emprega mais de 2 mil colaboradores, realizando mais de 100 milhões de entregas por ano. A combinação de negócios pretendida resultará em um modelo único de malha logística no mercado nacional, aliando as melhores práticas em um só grupo, criando um dos líderes privados no segmento de encomendas expressas e soluções logísticas.

Natura (NTCO3)

A Natura informou no fim da última semana a conclusão da transação de venda de sua participação na The Body Shop para o grupo internacional de private equity AURELIUS.

“A operação visa fortalecer o movimento da companhia para otimizar suas operações e simplificar seus negócios, destacando o foco em prioridades estratégicas, como a integração da Natura e Avon na América Latina, o modelo de venda direta e a otimização adicional da presença internacional da Avon”, destacou a Natura em comunicado.

Bemobi (BMOB3)

A Bemobi (BMOB3) informou a conclusão, através da sua subsidiária Bemobi Paytech Ltda., da aquisição de 100% da Agenda Edu S.A e Edu Pay Securitizadora S.A, pelo preço de R$ 39 milhões, pagos em 29 de dezembro.

Neogrid (NGRD3)

A Neogrid (NGRD3) comunicou a celebração de acordo da antecipação de exercício da opção de compra da Predify, que passará a ser subsidiária integral da Neogrid Informática, parte do grupo Neogrid. A companhia afirmou deter 100% das ações da Predify em circulação, em 29 de dezembro.

Através da subsidiária Neogrid Informática, a companhia celebrou acordo para aquisição do controle integral da GRG Inovações e Tecnologia S.A. (“Horus”), passando a deter 100% das ações da Horus em circulação.

Ambas as aquisições se deram com um pagamento parcial à vista, e saldos a pagar título de earn-out baseado em metas de negócio, que serão apurados e pagos, se devidos, ao longo dos próximos dois anos.

PetroReconcavo (RECV3)

A PetroReconcavo (RECV3) informou a eleição de novo CEO, em substituição a Marcelo Campos Magalhães. O novo diretor executivo, José Maria de Mello Firmo, assume após a renúncia de Magalhães, comunicada em 29 de dezembro de 2023.

Firmo possui mais de 30 anos de experiência no setor, com passagens pela Tratex, Schlumberger e Seadrill. O executivo também presidiu o IBP – Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis e a ABESPETRO – Associação Brasileira das Empresas de Serviços do Setor de Petróleo e Gás.

Petrobras (PETR4)

A Petrobras informou no domingo (31) que colocou em produção o navio-plataforma Sepetiba, no campo de Mero, bloco de Libra, no pré-sal da Bacia de Santos. Esse é o terceiro sistema de produção de Mero, com capacidade para produzir diariamente até 180 mil barris de óleo e comprimir até 12 milhões de metros cúbicos de gás.

A plataforma é do tipo FPSO, ou seja, uma unidade flutuante de produção, armazenamento e transferência, da sigla em inglês.

Acordo com Unigel

A Petrobras também assinou contrato com a Unigel para encomenda para produção de fertilizantes nas fábricas de Sergipe e da Bahia.
O acordo compõe esforços da estatal para transição enérgica e é fruto da parceria entre a Petrobras e a Unigel divulgada em junho, estando alinhada com o Plano Estratégico 2024-2028 (PE 2024-28) da companhia para produção de fertilizantes. Os estudos para produção de projetos de baixo carbono continuarão em andamento.

(com Estadão Conteúdo)