Santander adquire Banco de Caracas

Conteúdo do Portal InfoMoney – Editoria Mercados

Por  Equipe InfoMoney

O Banco da Venezuela, controlado pelo Banco Santander Central Hispano (BSCH), terminou as negociações para a aquisição de 93% do Banco Caracas por US$ 317 milhões. A compra foi firmada hoje na Bolsa de Caracas.

No dia 6 de outubro, o Banco da Venezuela adquiriu os 65% das ações do Banco de Caracas em poder do acionista majoritário, desembolsando cerca de US$ 222 milhões. Hoje o banco fechou a compra de 23% dos acionistas minoritários por aproximadamente US$ 95 milhões, pagando o mesmo preço por ação da aquisição anterior. A operação total incluiu a compra de aproximadamente 555 milhões de ações, por US$ 0,5702 por ação. A compra foi financiada pelo Santander, que aumentou o capital do Banco da Venezuela no valor necessário para a aquisição.

A união entre o Banco da Venezuela, o terceiro maior do país, e o Banco de Caracas, o quarto maior, resulta no maior banco do sistema financeiro venezuelano, controlador de 19% do mercado, seguido pelo Provincial com 15,2%.
Deste modo, a exposição do Santander ao mercado latino-americano aumenta ainda mais. O banco espanhol adquiriu recentemente o Banco do Estado de São Paulo (Banespa), pagando ágio de 281% sobre o preço mínimo no leilão de privatização.

Compartilhe