Nova crise?

Rússia corta fornecimento de gás à Ucrânia

Diante da ausência de pagamento da dívida, ucranianos receberão gás apenas se realizarem pagamento antecipado.

Por  Bloomberg

SÃO PAULO – Conforme já havia sinalizado, a Rússia cortou o fornecimento de gás natural para a Ucrânia e indicou que os ucranianos só receberão combustível mediante pagamento antecipado. A dívida do país já chegou a US$ 1,95 bilhão. 

O sistema de dutos ucraniano ainda é utilizado para que a Rússia realize o fornecimento de gás para os demais países europeus. A estatal russa Gazprom reforçou nesta segunda-feira que não recebeu nenhum pagamento da dívida do governo da Ucrânia. 

A União Europeia, que teme que o fornecimento do gás russo deixe de ser realizado para seus membros, vem tentando mediar um acordo entre os dois países. Um corte de abastecimento, porém, teria menos efeito se fosse realizado durante o verão europeu. 

 

Compartilhe