Tecnologia

Totvs (TOTS3) tem lucro consolidado de R$ 85 mi no 1º trimestre, alta de 5,4%

Resultado do lucro sem ajustes se deve pela redução de 91% do resultado financeiro negativo por conta da posição de caixa líquido

Por  Equipe InfoMoney

A Totvs (TOTS3) reportou lucro líquido consolidado de R$ 85,0 milhões no 1º trimestre de 2022, o que representa uma alta de 5,4% na comparação com os R$ 80,6 milhões alcançados no 1T21.

O lucro líquido ajustado dos controladores avançou 19,7%, para R$ 98,1 milhões, ante R$ 81,9 milhões de um ano atrás. Sem ajustes, o lucro líquido dos controladores caiu 1,5%, de R$ 80,6 milhões para R$ 79,5 milhões este trimestre.

O lucro líquido, sem os ajustes das despesas, com amortização de intangíveis oriundos das aquisições, subiu 20,6%, para R$ 116,6 milhões no trimestre, contra R$ 96,7 milhões do 1T21.

O resultado do lucro líquido (sem ajustes) se deve pela redução de 91% do Resultado Financeiro negativo como consequência da posição de Caixa Líquido, explica a Totvs.

O Ebitda subiu 3,8%, a R$ 195,1 milhões neste trimestre, contra R$ 188,0 milhões do mesmo período de um ano atrás.

O Ebitda ajustado cresceu 17,5%, para R$ 223,3 milhões no 1T22, na comparação com os R$ 190,0 milhões do mesmo período do ano passado. A margem Ebitda ajustado caiu 3,3 pontos percentuais, para 23,6%.

“Esta redução da Margem Ebitda, em particular na comparação com o 1T21, é explicada principalmente pelo efeito na Margem de Contribuição de Gestão do comportamento dos efeitos inflacionários entre receita e despesas”, explica a Totvs.

Mais sobre o balanço da Totvs

A receita líquida consolidada avançou 33,8%, para R$ 945,6 milhões, contra os R$ 706,9 milhões do mesmo período de 2021.

O resultado veio em decorrência do crescimento de 25% ano contra ano da chamada Receita Líquida de Gestão, impulsionado pelo crescimento orgânico de 26% da Receita Recorrente e pelo desempenho histórico do Modelo Corporativo, explica a empresa.

Além disso, a consolidação da RD Station a partir de junho de 2021 na dimensão de Business Performance, que em mesma base comparativa (incluindo a RD no 1T21) resulta no crescimento orgânico ano contra ano de 33% da dimensão.

“Vale destacar que, adicionalmente ao importante resultado da Receita de Licenças de Gestão no trimestre, as novas locomotivas continuam impulsionando o crescimento da companhia, representando 33% da Receita Líquida do trimestre e 48% do seu crescimento ano contra ano”. diz a empresa.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe