1º balanço após reorganização

Auren Energia (AURE3) registra queda de 86,9% no lucro no 1º trimestre de 2022

A receita líquida somou R$ 1,384 bilhão entre janeiro e março deste ano, baixa de 1,9% na comparação com igual etapa de 2021

Por  Felipe Moreira

A Auren Energia (AURE3) informou ter apurado lucro líquido de R$ 17,8 milhões no primeiro trimestre de 2022 (1T22), uma redução de 86,9% em relação ao mesmo trimestre do ano passado. Naquela ocasião, o lucro havia sido de R$ 135 milhões. A companhia publicou a primeira divulgação de resultados de forma consolidada após a reorganização societária, com a junção de Cesp, Votorantim Energia e VTRM.

O lucro antes juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado caiu 4,4% no 1T22, totalizando R$ 340,3 milhões.

A receita líquida somou R$ 1,384 bilhão entre janeiro e março deste ano, baixa de 1,9% na comparação com igual etapa de 2021.

Já a margem Ebitda (Ebitda sobre receita líquida) ajustada atingiu 25% nos três primeiros meses do ano, ficando praticamente estável em relação ao 1T21.

O resultado financeiro líquido foi negativo em R$ 164,4 milhões no primeiro trimestre de 2022, uma diminuição de 22% sobre a mesma etapa de 2021.

Os custos e despesas operacionais totalizaram R$ 1,253 bilhão no 1T22 frente a uma despesa de R$ 1,046 bilhão no 1T21, uma variação de R$207 milhões na comparação dos períodos, devido principalmente à variação de provisão para litígios no contencioso passivo.

O fluxo de caixa livre totalizou R$ 1,420 bilhão no primeiro trimestre de 2022, contra R$ 207,8 milhões da mesma etapa de 2021.

A dívida líquida da companhia ficou em R$ 1,553 bilhão no final de março de 2022, uma redução de 47,3% em relação ao mesmo período de 2021.

O indicador de alavancagem financeira, medido pela dívida líquida/Ebitda ajustado, ficou em 1,53 vez em março/22, queda de 0,67 vez em relação ao mesmo período de 2021.

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

Compartilhe