Em mercados / renda-fixa

Juros futuros fecham em alta mesmo após BC projetar inflação menor

IPC-S apresentou desaceleração para alta de 0,43%, enquanto produção industrial caiu em 12 regiões pesquisadas

percentagem - taxa de juros - Selic
(Getty Images)

SÃO PAULO - Os principais contratos de juros futuros fecharam esta quinta-feira (8) em alta no mercado futuro da BM&F, sendo que os contratos com prazos mais longos encerraram a sessão com avanços mais expressivos.

Nesta quinta, o Banco Central informou que vê um cenário macroeconômico mais favorável nos próximos meses caracterizado por menos inflação e mais crescimento. Sendo que no aspecto fiscal, o BC indica permanência da disciplina no setor público, apesar de contar com cumprimento da meta de superávit de R$ 139,8 bilhões com ajustes neste ano.

Na agenda doméstica, a FGV (Fundação Getulio Vargas) divulgou o IPC-S (Índice de Preços ao Consumidor Semanal), que apresentou uma desaceleração para uma alta de 0,43% na primeira quadrissemana de novembro, depois de encerrar outubro com elevação de 0,48%.

Além disso, de acordo com a Pesquisa Industrial Mensal Produção Física – Regional, realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), a produção industrial caiu em 12 dos 14 locais pesquisados em setembro.

Contrato de janeiro de 2014 fechou com taxa de 7,34%
O contrato de juros de maior liquidez nesta quinta-feira, com vencimento em janeiro de 2014, registrou uma taxa de 7,34%, 0,01 ponto percentual acima do fechamento de quarta-feira.

Outros contratos que fecharam com bom volume negociado foram o com vencimento em julho de 2014, que registrou taxa de 7,61% e o de janeiro de 2015, com taxa de 7,88%. No fechamento de quarta-feira, as taxas apontadas por estes contratos eram 7,60% e 7,85%, respectivamente.

A seguir confira o fechamento das taxas dos principais contratos de juros futuros na BM&F:

Vencimento Taxa atual Taxa anter Diferença Contr Neg
 Janeiro de 2013 7,13 7,12 +0,01 54.653 
 Abril de 2013 7,11 7,10 +0,01 40.200 
 Julho de 2013 7,11 7,10 +0,01 33.154 
 Outubro de 2013 7,18 7,18 0,00 25.695 
 Janeiro de 2014 7,34 7,33 +0,01 198.278 
 Abril de 2014 7,48 7,47 +0,01 25.149 
 Julho de 2014 7,61 7,60 +0,01 87.255 
 Janeiro de 2015 7,88 7,85 +0,03 73.333 
 Abril de 2015 8,00 7,97 +0,03 9.365 
Janeiro de 2016  8,33 8,29  +0,04  61.324 
Janeiro de 2017  8,64  8,57  +0,07 146.180 

 

Contato