Em mercados / renda-fixa

Com dados de indústria abaixo do esperado, juros futuros fecham em queda

Produção do setor subiu 1,5% em agosto, registrando melhor resultado desde maio de 2011; porém, projeção era de que alta fosse de 2,0%

percentagem - taxa de juros - Selic
(Getty Images)

SÃO PAULO - Os principais contratos de juros futuros fecharam esta terça-feira (2) em baixa no mercado futuro da BM&F, mantendo o movimentos visto nas últimas sessões. Com a proximidade da reunião do Copom (Comitê de Política Monetária), na próxima semana, aumentam as discussões sobre se ocorrerá um novo corte na taxa Selic, que atualmente está em 7,5%.

Em destaque na agenda doméstica, a produção industrial brasileira subiu 1,5% em agosto frente a julho, segundo dados divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Trata-se do melhor resultado desde maio de 2011, quando a expansão ficou em 1,6%. Porém, o resultado foi abaixo das expectativas dos analistas, que eram de alta de 2,0%.

Apesar de abaixo do esperado, a LCA afirma que a perspectiva para os próximos meses continua positiva, apesar dos dados abaixo do esperado, sendo que a sondagem industrial da FGV relativa a setembro indica que os estoques apresentam situação relativamente equilibrada para a indústria de transformação.

"É importante ressaltar que, se por um lado o setor de bens de consumo duráveis continua reportando estoques insuficientes - movimento liderado pelo segmento de material de transporte -, por outro, no setor de bens de capital, o número de firmas com estoques excessivos mostrou crescimento relevante", afirmam os consultores.

Contrato de janeiro de 2013 fechou com taxa de 7,22%
O contrato de juros de maior liquidez nesta terça-feira, com vencimento em janeiro de 2013, registrou uma taxa de 7,22%, 0,03 ponto percentual abaixo do fechamento de segunda-feira.

Outros contratos que fecharam com bom volume negociado foram o com vencimento em janeiro de 2014, que registrou taxa de 7,62% e o de janeiro de 2015, com taxa de 8,19%. No fechamento de segunda-feira, as taxas apontadas por estes contratos eram 7,67% e 8,26%, respectivamente.

A seguir confira o fechamento das taxas dos principais contratos de juros futuros na BM&F:

Vencimento Taxa atual Taxa anter Diferença Contr Neg
 Novembro de 2012 7,25 7,28 -0,03 8.666 
 Janeiro de 2013 7,22 7,25 -0,03 501.315 
 Abril de 2013 7,22 7,26 -0,04 48.251 
 Julho de 2013 7,27 7,31 -0,04 89.656 
 Outubro de 2013 7,44 7,47 -0,03 20.270 
 Janeiro de 2014 7,62 7,67 -0,05 374.574 
 Abril de 2014 7,78 7,85 -0,07 23.801 
 Julho de 2014 7,92 7,99 -0,07 36.346 
 Janeiro de 2015 8,19 8,26 -0,07 128.248 
Janeiro de 2016 8,66 8,73 -0,07 117.108
Janeiro de 2017 8,99 9,06 -0,07 118.519

 

Contato